Curiosidades

Igreja aconselha a comungar na mão e omitir o “abraço da paz”

Em comunicado divulgado, o Conselho Permanente da CEP apelou “à serenidade e ao incremento da prevenção nos cuidados de higiene”, defendendo que sejam seguidas “estritamente as indicações e normas da Direção-Geral da Saúde”.

“Como em situações semelhantes e em sintonia com outras conferências episcopais e dioceses, e para evitar situações de risco, recomendamos algumas medidas de prudência nas celebrações e espaços litúrgicos, como, por exemplo, a comunhão na mão, a comunhão por intinção [molhar a hóstia no vinho consagrado] dos sacerdotes concelebrantes, a omissão do gesto da paz e o não uso da água nas pias batismais”.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo