Barcelos

Santa Casa de Barcelos encerra creches, hidroterapia e suspende serviços

A exposição “Onde, por Cristo, a morte foi vencida” – inserida nas comemorações do 520.º aniversário da Misericórdia de Barcelos e a ser preparada há várias semanas – já não abriu ao público. Esta decisão inserese no reforço das medidas de prevenção e contenção que têm vindo a ser seguidas pela instituição, em estreita articulação com as diversas entidades oficiais (Direção-Geral da Saúde, Administração Regional de Saúde do Norte, Centro Distrital de Segurança Social, Arquidiocese de Braga e União das Misericórdias Portuguesas).

Face ao estado de alerta, declarado a nível nacional, relativo à COVID-19, foi decidido  pela Santa Casa da Misericórdia de Barcelos (SCMB):
– encerramento ao público dos serviços na área da Educação na Infância (incluindo Creche Familiar), a partir desta segunda-feira, 16 de março;
– encerramento da Hidroterapia (Piscina Terapêutica) e das Classes de Pilates do Centro de Medicina Física e de Reabilitação (CMFR), a partir desta segunda-feira, 16 de março;
– proceder a uma triagem constante e reforçada dos utilizadores do CMFR;
– manter a suspensão das visitas aos Lares e Unidade de Cuidados
Continuados Integrados de Santo António, em vigor desde domingo passado, 8 de março;
– evitar o contacto entre os utentes do Centro de Dia (CD) e da ERPI/LNSM e, a par disso, preparar a transição gradual de utentes do CD para a resposta de Serviço de Apoio Domiciliário;
– suspensão de todas as Missas na Igreja da Misericórdia, à semelhança do que já aconteceu esta semana nas capelas dos Lares e UCCI;
– implementação de soluções de teleconferência e videoconferência, nos serviços administrativos;
– redução das reuniões de grupo ao mínimo estritamente necessário.

Conforme afirmado pelo Provedor, Nuno Reis, em comunicado aos colaboradores, “estas medidas são, assim o esperamos, temporárias. Mas tempos de exceção exigem medidas de exceção. Trata-se de medidas para o bem de todos, com vista à diminuição de riscos e tentativa de contenção da pandemia”.
Entretanto, foram igualmente suspensas as atividades previstas no âmbito das comemorações do 520.º aniversário da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos: “Tire dali a menina”, pelo Grupo “Os Pioneiros da Ucha” (21 de março); Festa da Primavera (25 de março); Dia aberto à comunidade no
CMFR e UCCI (7 de abril); Lava-Pés (9 de abril); Paixão do Senhor (10 de abril); e Procissão da Divina Misericórdia (19 de abril).

 

Nuno Reis, provedor da Santa Casa de Barcelos © Mariana Gomes / Semanário V

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo