Destaque

Covid-19. José Morais (PS): “ninguém, mas mesmo ninguém, pode ficar para trás”

José Morais, vereador do Partido Socialista na Câmara de Vila Verde, publicou um vídeo onde refere que este é ” um tempo de união, de solidariedade e fraternidade nas decisões e, principalmente, nas nossas ações.”

Dando conta da situação que atravessa o concelho, o país e o mundo, Morais apela a que “todos estejam atentos e amparem os mais desfavorecidos. Se tiverem conhecimento de alguém que esteja a passar dificuldades, por favor, comuniquem-nos. Lembrem-se que pequenos gestos podem fazer uma grande diferença na vida dos outros.”

No seu papel como vereador diz que nem sempre concorda com as opções de António Vilela, edil, mas que uma vez tomadas as apoará sem reservas: “posso até não concordar com uma ou outra opção da câmara, mas depois de tomadas as decisões, como tenho feito, apoiarei, sem reservas, o presidente de câmara na concretização das mesmas. A missão que ele tem em mãos é difícil e todos devemos ajudá-lo.”

Lança ainda um apelo de ajuda aos mais idosos: “ajudem os idosos com as compras. Façam doações de alimentos às IPSS e aos serviços de ação social da Câmara, que neste momento já estão a apoiar varias famílias carenciadas.”

“Os vila-verdenses têm dado uma enorme lição de civismo e de responsabilidade. Uns cumprem com rigor o isolamento social e outros garantem, de forma heróica, o funcionamento de vários serviços essenciais”, diz José Morais não esquecendo de agradecer “aos que têm trabalhado nesses serviços essenciais.”

O vereador conclui dizendo que acredita “na garra do povo português. Somos um povo de trabalho. Domamos a terra e o mar como ninguém. Por isso, acredito que juntos vamos ultrapassar estas dificuldades. E nesta difícil viagem, ninguém, mas mesmo ninguém, pode ficar para trás. E esse é o nosso maior desafio.”

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo