André Almeida

Opinião. Trabalhar em casa e ser produtivo!

Espero que o leitor se encontre bem!

Vivemos atualmente tempos de desafios e de mudança de hábitos nos mais variados aspetos da nossa vida pessoal e profissional e essa mudança é mais necessária hoje que nunca.

Uma dessas mudanças tem a ver com o Trabalho e é nessa que vamos focar neste artigo. Trabalhar em casa é (era) o sonho de muitas pessoas até há pouco tempo, refletindo liberdade, autonomia e potencial. No entanto hoje em dia e por força das atuais condicionantes muitos viram-se obrigados a trabalhar remotamente e a vivenciar que na prática não se trata mesmo de um mar de rosas. Há desafios e convém haver disciplina de forma a esta metodologia ter resultados e constituir também qualidade de vida.

Nesse sentido vou enumerar alguns pontos que devem ser tidos em conta para que Trabalhar em Casa seja o mais prazeroso e produtivo possível, retirados quer de experiência pessoal como também de testemunhos de outros profissionais que tenho oportunidade de conviver e aprender.

1- Vista-se para trabalhar! Faça todas as rotinas de como quando ia para a empresa, retirando a parte de se deslocar. Levante-se à mesma hora, pratique os mesmos hábitos de higiene e outfit e sinta-se “preparado para a luta”. Muitas vezes o facto de se estar em casa tende-se a desleixar esta componente, no entanto está provado que psicologicamente não estamos tão predispostos e capacitados a executar as tarefas como habitualmente.

Não tem de vestir fato e gravata, no entanto deve estar o mais apresentável e confortável possível.

2- Fixar um horário de trabalho é essencial! Assim como na empresa “tem” um horário laboral, tente também em trabalho remoto cumprir esse tempo pré-definido.

Claro que há em casa mais liberdade e flexibilidade de movimentos e conjugação de tarefas, no entanto se estabelecer este espaço temporal no dia verá que é mais fácil gerir e ser produtivo.

Havendo flexibilidade e quando se tem crianças também em “tele escola” é necessário e possível também assim definir o tempo de atenção e apoio às atividade familiares.

3- Ambiente de trabalho cuidado e preparado! O espaço/ambiente de trabalho é um dos aspetos mais importantes quando se trabalha a partir de casa e que pode influenciar o grau de produtividade em casa.

Este é considerado um dos grandes problemas pois muitas vezes há diversos fatores que influenciam a produtividade e a qualidade do trabalho e do “trabalhar”. Escolha um local calmo, com boa luminosidade, arrumado e afastado de barulho.

Para quem utiliza videoconferências é necessário também pensar neste aspeto mas também em termos de luminosidade (a luz deve ser frontal de forma a iluminar o rosto), deve ter um fundo claro e sem ruído (por exemplo uma parede lisa), boa ligação à Internet com boa capacidade de upload, boa câmara de vídeo e microfone. Normalmente os computadores portáteis já dispõe de bons recursos. Tenha sempre consigo uma garrafa de água pois em videoconferências e quando se fala por largos períodos de tempo e não se sabe quando terminarão, é uma ajuda enorme e está sempre à mão.

Tente no máximo definir este espaço como o espaço fixo para o trabalho, evitando ter de mudar frequentemente e fazer todos estes cuidados.

4- Evitar as distrações! Aqui vem um pouco ao encontro do ponto anterior, onde se fala no ambiente de trabalho. Quanto mais reservado possível, melhor. No entanto ao falar em distrações não podemos esquecer as distrações tecnológicas, tais como Smartphones, Smartwatches e dentro destas aplicações de Messaging ou Redes Sociais. Desligue as notificações e tente focar no trabalho o mais possível. Estabeleça objetivos.

Distrações como Televisão, Internet também devem ser controladas de forma a ser o mais produtivo possível.

5- Faça intervalos de descanso entre tarefas. Ao trabalhar por módulos de tempo/tarefas é possível aliviar a tensão, “refrescar” a cabeça e trabalhar mais focado. Estar largos períodos de tempo em frente a um monitor é penoso e tem impactos negativos a curto/médio prazo. Fazer um planeamento diário de objetivos a cumprir e do tempo necessário é essencial de forma a poder gerir mais facilmente. O cérebro é um músculo e também se cansa se não tiver descanso!

6- Dividir tarefas em casa! Se tiver familiares tente repartir as tarefas de forma a poderem todos gerir melhor as suas atividades pessoais e profissionais.

Quem tem filhos ao cuidado deve obviamente seguir estes cuidados de forma ao tempo de convivência ser o mais puro possível. Estabeleça também objetivos para os menores e complementem todas as tarefas de forma a encontrar complementaridades e formas de colaboração.

Espero que este pequeno artigo tenham ajudado a melhorar a forma como trabalha remotamente.

Veja mais artigos de marketing aqui no Semanário V ou na minha página pessoal!  🙂

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo