Cultura

Vila Verde. Padre Sandro prepara equipas de acolhimento no regresso das missas nas paróquias

O V esteve à conversa com o Padre Vasconcelos que falou da preparação do regresso às celebrações comunitárias nas suas paróquias e quais as medidas que começa a lançar, sempre aguardando por orientações da Conferência Episcopal ou Arquidiocese. As medidas pensadas são medidas gerais.

Celebrações devem voltar no último fim de semana de maio

Conta o Padre Sandro que: “Tudo aponta para que as celebrações recomecem nas Igrejas no último fim de semana de maio. Ainda não é oficial. A DGS fará uma avaliação semana a semana e, havendo dados indicadores favoráveis, aí se oficializará a abertura das Igrejas para a celebração comunitária da Eucaristia. Nos próximos tempos, comecem ou não já, muita coisa será diferente. Mesmo não sendo oficial, e por isso também não havendo indicações por parte da Arquidiocese, há medidas que terão de ser tomadas.

Preparação nas suas seis paróquias

O trabalho começa a ser feito nas suas paróquias, com a ajuda preciosa de muitos dos paroquianos que se uniram para que o reinício das celebrações seja conseguida de uma forma cordial e acima de tudo em segurança.  Conta o Padre Sandro que “enquanto pároco de 6 paróquias tenho de pensar com tempo e conto com a preciosa ajuda de muitos. Foi criada uma equipa de acolhimento em cada Paróquia para ajudar na preparação de espaços e em toda a logística, equipa esta que estará presente antes, durante e no fim de cada Missa. Elucidam, indicam, conduzem, apoiam sempre munidos de máscara e com as devidas distâncias para com os fiéis”.

Circuitos de circulação de entrada e saída na igreja

Nestas medidas de prevenção o Padre Sandro conta que: “serão criados circuitos de circulação de entrada e saída na Igreja. Serão colocadas linhas delimitadoras dentro da igreja para que as pessoas respeitem a distância quando, por exemplo, forem à comunhão. Todos os lugares sentados serão devidamente sinalizados. Prepararão, igualmente, colunas de som, para que quem já não tiver lugar na Igreja possa celebrar no adro, onde também aí se manterão as distância devidas. À entrada e saída da Igreja todos desinfetarão as mãos. Tudo isto organizado por esta equipa que sensibilizará os fiéis para não se aglomerarem no adro antes e no fim bem como farão o controlo de entradas e se as mesmas se fazem munir de máscara. Será obrigatório todos usarem máscara dentro da igreja”.

“Há muito a pensar e preparar e a equipa estará vestida a rigor com t-shirts oferecidas por empresa têxtil de Guimarães. “, desabafa o Padre Sandro.

Reuniões já agendadas com equipas de acolhimento

Esta sexta-feira e sábado, no adro de cada Igreja, acontecerá uma reunião destas equipas, o Padre Sandro e com Conselho Económico.

Sexta-feira, dia 8 de maio, às 18h00 – Arcozelo, 19h30 – Pedregais, Sábado, dia 9 de maio, 9h30 – Godinhaços, 11h00 – Moure, 14h30 – Rio Mau e 16h00 – Marrancos

 

(c) DR

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo