Vila Verde

Perfis falsos. José Manuel Fernandes e Júlia Fernandes no centro da polémica em Vila Verde

Paulo Marques, líder do CDS-PP de Vila Verde tirou o assunto que estava em surdina há muito tempo em Vila Verde: perfis falsos nas redes sociais utilizados como arma de arremesso político.

O líder centrista denunciou o caso esta semana ao Semanário V, que noticiou o tema, e liga diretamente José Manuel Fernandes (eurodeputado – PSD) e Júlia Fernandes (vereadora na Câmara de Vila verde – PSD) aos perfis falsos. Paulo Marques avançou já com uma queixa no Ministério Público (MP), informa a edição do jornal Público de hoje (pode ser consultado aqui), onde alega que que essas contas elogiam muito Júlia Fernandes e José Manuel Fernandes. Após a notícia do V, todas as contas foram eliminadas do Facebook.

Em declarações ao Público, Paulo Marques confirmou a queixa no MP: “antes de ser político sou homem e não estou para ser enxovalhado por quem não dá a cara. É um nível muito baixo criar perfis falsos, feios, cobardes e feitos por gente pequena.”

Ainda ao Público, Marques diz que este tipo de campanhas difamatórias não é novidade. O que é novo é o método de recurso a redes sociais. “Nos anos 90 mandavam cartas anónimas, depois vieram os blogues e agora é isto: perfis falsos no Facebook“, diz.

Alegados perfis falsos na defesa de Júlia Fernandes e José Manuel Fernandes

Criadas na rede social Facebook, todas as contas tinham algo em comum: defendiam Júlia Fernandes e José Manuel Fernandes. De registar algumas partilhas e comentários a trabalho feito pela autarquia vila-verdense, nomeadamente do vereador Patrício Araújo (PSD) na altura da polémica do Lar do Trabalhador, na Vila de Prado. Nestes alegados perfis falsos, surgiram críticas contra o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde, Bento Morais.

Júlia Fernandes e José Manuel Fernandes afinal falam à imprensa do caso

Semanário V tentou obter algum comentário por parte de Júlia Fernandes e José Manuel Fernandes mas ambos, não enviaram qualquer resposta à nossa redação… no entanto, ao Público responderam.

Júlia Fernandes disse àquele diário que tem um perfil de Facebook com mais de cinco mil amigos. Diz a vereadora que “muitos desses perfis são amigos de amigos” não sabendo “se são falsos.” Para José Manuel Fernandes as acusações de Paulo Marques são um “disparate muito grande”. O eurodeputado desvaloriza a situação e diz ao Público que também ele passa a “vida a ser atacado por perfis falsos e anónimos.”

Paulo Marques (CDS-PP), José Manuel Fernandes (PSD) e Júlia Fernandes (PSD)

 

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo