Braga

PJ de Braga deteve homem suspeito de cinco crimes de incêndio florestal

Foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) de Braga um homem indiciado pela prática de cinco crimes de incêndio florestal em Melgaço.

A PJ, através do Departamento de Investigação Criminal de Braga, identificou e deteve, fora de flagrante delito, o presumível autor de cinco incêndios florestais, tendo um ocorrido no dia 31 de maio deste ano e os restantes quatro durante a noite dos dias anteriores, numa freguesia do concelho de Melgaço.

Os incêndios consumiram mato e arvoredo, não tendo atingido proporções significativas devido à intervenção dos bombeiros.

O detido é um homem de 26 anos de idade, trolha de profissão, residente na freguesia onde ateou os incêndios, tendo recorrido a chama direta para a respetiva ignição.

As diligências realizadas por esta polícia permitiram a recolha de substanciais elementos de prova, que conduziram à detenção do indivíduo que, hoje, será presente à autoridade judiciária competente para primeiro interrogatório de arguido detido e aplicação de medidas de coação.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo