Vila Verde

José Morais é contra a emissão do “Somos Portugal” em Vila Verde (c/vídeo)

José Morais, vereador socialista na Câmara de Vila Verde disse, esta sexta-feira, ser contra o programa da TVI, Somos Portugal, que vai ser transmitido este domingo a partir de Vila Verde.

Em nota enviada à redação do Semanário V, o vereador diz ser “contra por dois motivos. Em primeiro lugar, porque ainda vivemos uma frágil situação sanitária, que pode explodir a qualquer momento. Em segundo lugar, porque ao promoverem-se atividades públicas, em que é difícil controlar o número de presentes, se dá um sinal errado à sociedade.”

Diz ainda o socialista que “estes sinais contraditórios baralham as pessoas” e recorda que “pelos mesmos motivos” foi “contra as comemorações do 25 de Abril, do 1 de Maio e as manifestações relacionadas com o racismo.” Relambra ainda que esta sua posição trouxeram-lhe “críticas do meu próprio partido. Mas não deixo, nem nunca deixarei, de pensar pela minha própria cabeça.”

“As Festas Concelhias de Santo António, foram, e bem, canceladas. Todas as festas das nossas freguesias foram, e bem, canceladas. Não acham difícil explicar que agora se gaste dinheiro num programa da TVI que pode provocar ajuntamentos? Os mais velhos organizam eventos e depois culpam-se os jovens por quererem conviver?”, questiona.

“Era preferível não termos cá a TVI no domingo”

Para José Morais, “já que não há nada que possamos fazer quanto a isso”, apela a que os vila-verdenses cuidem “da saúde uns dos outros e vamos dar o exemplo. Não se juntem na rua. Não deixemos que o bom nome na nossa terra seja enxovalhado por se verem imagem de ajuntamentos em Vila Verde.”

“Quem gosta do programa Somos Portugal sugiro que desta vez o acompanhe pela televisão. Pela nossa saúde e pelo bom nome da nossa terra, fiquemos por casa”, remata.

Também Paulo Marques, líder do CDS-PP concelhio, veio a público ontem manifestar o seu descontentamento e surpresa perante o anúncio. “Não quis acreditar quando li esta notícia. Uma festa organizada pelo município e a TVI que ‘encherá de animação as ruas do concelho, num espetáculo com vários artistas a atuar…’. Inacreditável.”

O centrista disse que fará “chegar à GNR e delegado de saúde um alerta e preocupação com esta situação, bem como” e que responsabiliza Júlia Fernandes “pessoalmente pelo que possa acontecer a nível de saúde pública em Vila Verde a partir de segunda-feira.”

 

 

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo