Braga

Braga. Escolas de condução e alunos desesperam pelos exames no IMT

(c) GoogleMaps

O Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) é um instituto público integrado na administração indireta do Estado, dotado de autonomia administrativa e financeira e património próprio.
O IMT, I.P. é um organismo central com jurisdição sobre todo o território nacional, tem sede em Lisboa e dispõe, como serviços desconcentrados, das Direções Regionais de Mobilidade e Transportes do Norte, do Centro, de Lisboa e Vale do Tejo, do Alentejo e do Algarve. O IMT, I.P. prossegue atribuições dos Ministérios da Administração Interna, das Infraestruturas e Habitação, do Ambiente e Transição Energética, e do Mar, sob superintendência e tutela do Ministro das Infraestruturas e Habitação.

Exames de código e condução

O IMT tem como responsabilidade a gestão dos exames teóricos e práticos de condução agendados pelas escolas de condução através de requerimento feito pelos alunos. Os exames de código são feitos em sala comum e os exames de condução são feitos em estrada nos percursos previamente definidos pelo IMT.

Demora nas marcações desesperam escolas e alunos

Em anos anteriores os tempos de espera para agendamento dos exames teóricos e práticos chegaram atingir prazos que as escolas consideravam inaceitáveis. Este ano dada a pandemia os prazos dispararam e as escolas de condução “estão desesperadas e os alunos revoltados com a situação.” Ao V um proprietário de escola de condução do distrito de Braga conta que “os tempos de espera para exames práticos de condução estão próximos de setembro. Os alunos desesperam e muitos deles necessitam de carta de condução de forma urgente para trabalhar ou para se deslocar para os estabelecimentos de ensino já no final do mês de agosto. Com a chegada de emigrantes os prazos vão disparar e estamos a viver uma situação caótica.”

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo