Braga

Braga. Lixo nas imediações do Bom Jesus mancha a beleza natural e patrimonial

(c) Carlos Dobeira

Domingo de manhã, o escadório do Santuário do Bom Jesus do Monte em Braga e as imediações da Basílica estavam cheios de resíduos e eram visíveis vestígios de posturas irresponsáveis por parte dos utentes e visitantes.

Conta o cidadão Carlos Dobreira que “Centenas de beatas de cigarro, sacos e embalagens de empresa de fast food, embalagens de gelados, palhinhas, copos de plástico e de cartão, máscaras, velas acesas e até estilhaços de garrafas de vidro são visíveis nos escadórios, no jardim frente ao Hotel do Templo e a poucos metros da entrada da Basílica. No jardim mencionado, o cheiro a urina era intenso. Igualmente, três contentores de lixo localizados a poucos metros da Basílica evidenciavam uma quantidade inusitada de resíduos de conhecida empresa de fast food e muitas garrafas de cerveja”.

Cidadão denuncia à UNESCO

Acrescenta o cidadão que “Face ao exposto, venho dar conhecimento do mesmo à UNESCO, à comunicação social, à Confraria do Bom Jesus do Monte, à Arquidiocese de Braga e aos partidos representados na Assembleia Municipal de Braga, anexando créditos elucidativos”.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo