País

Associação da Guarda (APG) quer processar quem insultou militares em Santo Tirso

(c) Direitos reservados

Associação dos Profissionais da Guarda (APG) quer que o Governo ou o comando da GNR avancem judicialmente contra quem insultou e ameaçou os militares envolvidos no caso dos dois canis que arderam em Santo Tirso. O presidente da associação, César Nogueira, segunda avança a TSF, descreveu que se repetem cada vez com maior frequência neste tipo de casos e um sentimento de impunidade. “São sempre alguns indivíduos que querem apenas colocar em causa o trabalho dos agentes da autoridade, sendo preciso agir judicialmente, aplicando aquilo que está na lei para que as pessoas percebam que não podem fazer tudo”, afirma.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo