Braga

Braga. JS denuncia “ajustes” do município a dirigente da JSD em mais de 63 mil euros

(c) Direitos reservados

A Juventude Socialista veio a público denunciar contratos adjudicados a dirigente da JSD em Braga. A JS apresenta documentação e apelida estas manobras de “amadorismo e incompetência” por parte do executivo da Câmara Municipal de Braga.

Contratos adjudicados a militante, dirigente e assessor da vereação

Denuncia a JS que “já é conhecida a forma de estar do atual executivo bracarense que se tem revelado fraco com os fortes e forte com os fracos.
Temos vindo a denunciar algumas situações que consideramos como sendo prova de demasiada incompetência e atroz amadorismo. Desta vez, consideramos que o município foi mais uma vez longe de mais. No portal Base, encontramos dois contratos no valor de €63.000+IVA cujo adjudicatário é militante e dirigente da JSD, que sabemos que tem vindo a desempenhar funções de assessoria à vereação, o que é contrário ao objecto do procedimento administrativo. Dois contratos públicos com objectos diferentes, mas entregues ao mesmo “companheiro”. O Gestor destes processo é o vereador João Rodrigues, Ex-Presidente da JSD.

Pedem explicações ao Município

Acrescenta a JD de Braga “Assim, vemos que já não há decoro nos corredores do município, que tudo vale para extender a esfera de influência partidária à esfera do município. Todos os dias os bracarenses são prejudicados por más decisões do município, mas há sempre verba para os amigos. Aguardamos explicações do Município de Braga, cujo Presidente tem o hábito de acusar a JS e os seus dirigentes de mentirem”.

Consulte os contratos aqui

Contrato 1

Contrato 2

 

(c) JS

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo