País

Chega quer incendiários a limpar matas e reflorestar áreas ardidas

(c) Direitos reservados

O Chega apresentou um projeto de resolução no Parlamento, para que se “promova imediatamente a implementação de um programa de trabalho obrigatório e não remunerado para os condenados pelo crime de incêndio florestal”.
Esta medida vai de encontro à proposta do programa político, (cap. II A , Ambiente, i.4.16, alínea c) em que propomos: “os presos condenados por fogo posto irão trabalhar, quando tal seja necessário, na limpeza das matas e no replantio de matas ardidas.”
“Só é necessário que haja aprovação por parte do governo, para resolver os problemas estruturais do nosso país. No CHEGA, o que prometemos, cumprimos”, revela o Partido.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo