Saúde

Pessoas mais altas têm o dobro da possibilidade de contrarir coronavírus

(c) Direitos reservados

Pessoas com mais de 1,83 de altura têm o dobro da probabilidade de contrair coronavírus, sugere um estudo citado pelo “The Telegraph”.

Uma equipa de investigadores internacionais, entre eles especialistas da Universidade de Manchester, fizeram um inquérito a 2.000 pessoas no Reino Unido e nos Estados Unidos de forma a perceber se atributos pessoais ou práticas diárias em casa e no trabalho podiam influenciar a transmissão do vírus.

Uma das conclusões a que esta equipa chegou é que as pessoas mais altas têm uma maior probabilidade de contágio, com os cientistas envolvidos neste estudo a reforçarem a ideia de que o vírus é transmitido pelo ar, já que a altura não teria qualquer influência se o contágio fosse feito unicamente através de gotículas.

Os aerossóis podem acumular-se em áreas mal ventiladas e são transportados através das correntes de ar. Já as gotículas são bastante maiores que os aerossóis e “viajam” distâncias muito mais pequenas, caindo muito mais rapidamente do ar.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo