Amares

Amares. “Lixo foi cartão de visita ao programa Olhá Festa da SIC”, denuncia cidadão

(c) Carlos Dobreira

O cidadão e ativista Carlos Dobreira conta que “numa breve visita a Lago, no concelho de Amares, ficou sem palavras com a imundície e a deposição de resíduos observadas em contentores e em ecopontos, assim como os cheiros nauseabundos daí resultantes na Avenida da Ribeira, Avenida Entre Cávado e Homem e Avenida de Pontezinhas.

Fala em detritos e lixo espalhado num cenário desolador: “Eis o que foi possível observar em redor dos contentores e dos ecopontos: estilhaços de garrafas de vidro, fitas de K7, resíduos de construção e demolição, mobílias, tubos de plástico, sacos com bens alimentares, garrafas de vidro, milhares de beatas de cigarro, metais, contraplacado, sacos com plásticos, caricas, cápsulas de café, esferovite, latas de tinta, tubos galvanizados, areia, brinquedos, caixas de cartao, garrafões de plástico, tijolos, roupas, cadeiras, entre outras”.

As fotos foram obtidos no dia em que a SIC visitou o concelho de Amares no âmbito das gravações do programa Olhá Festa.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo