Vila Verde

Vila Verde. Vereadores do PS não querem Continente junto à rotunda do Bom Retiro

(c) Direitos reservados

Os vereadores do partido socialista votaram contra a instalação do supermercado Continente em Vila Verde.
Esta unidade será instalada nos terrenos anexos à rotunda do Bom Retiro, quem segue para Sabariz.

“Queremos investimentos em Vila Verde, em particular de empresas de referência, como é o caso. Porém, não os podemos aceitar a qualquer preço. Temos de ponderar muitas outras variáveis”, escreve José Morais em comunicado.

Motivo do sentido de voto – PS

Em vídeo publicado nas redes sociais José Morais dá a conhecer a posição dos vereadores socialistas e porque do sentido de voto. “Votámos contra, porque temos três grandes preocupações: a localização, o comércio local e os espaços verdes. Primeira preocupação: A localização, mesmo em cima da rotunda do Bom Retiro, é péssima. O trânsito neste local é completamente caótico.
Sem uma variante a Vila Verde, a circulação automóvel, que é um autêntico calvário, irá piorar bastante. Segunda preocupação:  Por efeito da COVID, o comércio local está com dificuldades e será muito afetado pela instalação desta unidade tão próxima do centro urbano.
Matar o comércio local é matar a alma de uma terra. Terceira preocupação: Os promotores teriam de ceder terrenos para espaços verdes e para espaços de utilização coletiva.
A câmara está disposta a aceitar a troca de espaços verdes por dinheiro, mas nós não”.

“Não cedemos a pressões”

José Morais fala em pressões por parte de diversos quadrantes nesta matéria. “Quero que todos saibam que temos sido muito pressionados, por diversos quadrantes, sobre esta matéria.
Àqueles que nos tentam pressionar, quero dizer-vos, olhos nos olhos, que não cederemos a quaisquer pressões ou interesses. Sabemos que depois de não cedermos às pressões, virão as mentiras, as injúrias, as difamações e os ataques ao nosso caráter.Mas não nos assustam, nem nos demovem”, escreve José Morais.

“Votaremos pelo interesse de Vila Verde”

José Morais conclui frizando que os interesses dos vila-verdendeses estarão sempre em primeiro lugar. “Votaremos sempre e apenas de acordo com a nossa consciência e com aquilo que pensamos serem os interesses dos Vilaverdenses”, conclui José Morais.

 

 

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo