Braga

Braga e Guimarães. Praxe proibida na Universidade do Minho

(c) Direitos reservados

O Cabido de Cardeais, estrutura responsável da praxe na Academia Minhota, anunciou, esta sexta-feira, que as praxes estão proibidas na Universidade do Minho, como medida preventiva face à pandemia da Covid-19.

“O Cabido de Cardeais da Universidade do Minho, órgão máximo da praxe minhota, decidiu que, para já, todas e quaisquer atividades praxísticas presenciais estão proibidas e serão desencorajadas. Esta medida, tomada em consciência, será aplicada no início deste ano letivo e reavaliada com frequência”, informou a responsável pela gestão das atividades praxisticas na Universidade do Minho.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo