Vila Verde

“Vilela recusa reunião de câmara por videoconferência em pleno estado de calamidade”

(c) Direitos reservados

José Morais, vereador do PS de Vila Verde, em comunicado à redação do Semanário V, informa que o presidente da câmara municipal de Vila Verde, recusou-se a fazer a reunião de câmara em regime de videoconferência.

Escreve José Morais que “na semana em que o boom de novos casos surge no país, na semana em que mais de 10 funcionários da autarquia foram fazer exames de despiste ao COVID e não se sabe quantos estão positivos, no dia em que entra em vigor a resolução do conselho de ministros que abrange Vila Verde e obriga medidas de recolhimento e adoção do teletrabalho, o presidente de câmara convoca todos os vereadores para uma reunião presencial e recusa-se a fazê-la por videoconferência, como já fez no passado.”

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo