Ponte da Barca

Câmara de Ponte da Barca paga 19 mil euros por workshops para a restauração local

(c) Município de Ponte da Barca

No âmbito da candidatura EEC-PROVERE Minho INovação Norte 2020, o Município de Ponte da Barca levou a cabo, com o apoio da EPRALIMA, um conjunto de ações de capacitação e desenvolvimento de qualidades, conhecimentos e técnicas profissionais dirigidas tanto aos Empresários como aos colaboradores do sector da restauração e hotelaria locais, versando tanto sobre os produtos tradicionais específicos do concelho de Ponte da Barca, como abordando novas técnicas.
Este conjunto de ações de capacitação, designado “Sabores e Inovação – Investigação e Desenvolvimento sobre o Produto ou Gastronomia Tradicional”, irá decorrer durante os meses de novembro e dezembro e será conduzida por Chefs de renome nacional. Pretende-se que os agentes de restauração de Ponte da Barca e os chefs troquem experiências e conhecimentos, num ambiente informal e criativo.
A primeira ação decorreu no dia 9 de Novembro, no Solar do Vinhão, sobre responsabilidade do Chef José Eduardo Vinagre, que elaborou o Naco à Terras da Nóbrega e as Rabanadas de Mel.
Na ocasião o Presidente da Câmara, Augusto Marinho, congratulou-se com esta parceria considerando que o “projeto é uma mais-valia para os empresários da Hotelaria e da Restauração. Augusto Marinho lembrou ainda que “nesta fase de pandemia que o mundo atravessa, estes são dos setores mais afetados, pelo que devemos dar continuidade, entre outras ações, a estas estratégias de apoio através do conhecimento, de modo a aumentar a qualidade dos serviços prestados e, consequentemente, a atratividade turística.

Foto: BaseGov

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo