Braga

Braga. Trabalhadores da APTIV em greve por aumentos de 90 euros e 35 horas semanais

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Cerca de 50 trabalhadores da empresa APTIV (antiga Grundig) manifestaram-se ontem à tarde por aumentos salariais de cerca de 90 euros e 35 horas semanais de trabalho, através da redução, em 30 minutos, da jornada laboral diária. A discriminação geracional, com perda dos prémios por antiguidade, e o layoff, foram outros dos motivos que levaram à greve convocada pelo SITE Norte (Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Transformação de Energia do Norte), avança o Correio do Minho.
O delegado sindical, Sérgio Sales, assegurou que a empresa tem condições para proceder à atualização salarial. “A empresa, apesar de fazer atualizações salariais, faz muito aquém das possibilidades. Tem todas as condições de chegar a bom porto com esta proposta”, indicou Sérgio Sales à mesma fonte.

Comentários

topo