País

Campanha da GNR «GuardaConVida» angariou 45 mil euros para o IPO

(c) GNR

Escreve a GNR: “Recorda-se do nosso concerto solidário «Guarda ConVIDA» que, no dia 8 de fevereiro de 2020, reuniu, no palco do Campo Pequeno, a Banda Sinfónica da Guarda Nacional Republicana e 14 Artistas do panorama musical português, em prol do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil (IPO Lisboa)?”

Juntando a música à solidariedade, o concerto «Guarda ConVIDA» foi integrado numa campanha, cujas receitas reverteram, na íntegra, para o IPO Lisboa, sobretudo para aqueles que, diariamente, de forma direta ou indireta, lutam contra o cancro.

Esta iniciativa da GNR permitiu angariar 45.607,52€, montante já recebido pelo IPO. A receita foi aplicada na aquisição de um novo ecógrafo para realização de exames endocavitários.

Para assinalar o resultado da cooperação entre as duas instituições, o Comandante-Geral da GNR, Tenente-general Rui Clero, visitou o Serviço de Radiologia do IPO, onde teve oportunidade de conhecer o trabalho desenvolvido no Serviço e observar o novo equipamento, que custou cerca de cem mil euros e já está instalado e em pleno uso.

Agradecimento aos artistas

A GNR agradece a quem se uniu à campanha: “O nosso maior agradecimento a todos os artistas, sem os quais esta iniciativa não seria possível: Anabela; Anjos; Bianca; Fernando Daniel; Fernando Tordo; Hélder Moutinho; Katia Guerreiro; Marco Rodrigues; Noble; Os Azeitonas; Quinta do Bill; Sofia Escobar; Três Bairros e Sara Carreira, que infelizmente já não está entre nós. Apresentamos as mais sentidas condolências aos familiares e amigos”.

Partilhe esta notícia!

Comentários

topo