Braga

Tempo frio no distrito de Braga vai manter-se pelo menos até ao final da semana

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O tempo frio vai continuar, pelo menos, até ao final da semana em especial nas regiões do interior norte e centro onde as temperaturas mínimas podem chegar aos seis graus negativos.

“Temos avisos em todos os distritos até dia 6 (quarta-feira) com exceção do Algarve que vai ter um alívio já a partir de amanhã. É provável que em parte dos distritos se prolongue o aviso por mais tempo, até ao final da semana pelo menos nos do interior norte e centro e eu diria mesmo até ao fim de semana”, revelou a meteorologista Maria João Frada.

Esta situação deve-se ao transporte de uma massa de ar frio associada a um fluxo predominante de nordeste.
“As temperaturas estão abaixo dos valores médios para altura do ano e em alguns locais estão a contribuir para uma onda de frio, mas não é provável que na nossa rede de estações do IPMA se verifique uma onda de frio porque ela é quebrada no dia 7 [quinta-feira] em alguns locais. Não há seis dias consecutivos em que as temperaturas mínimas estejam em cinco graus abaixo da média”, explicou a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA)

No que diz respeito às temperaturas máximas no continente, a meteorologista do IPMA adianta que vão ser muito baixas.

“Não vão ultrapassar os 10 graus na generalidade do território. Serão um pouco mais altas na costa sul do Algarve rondando os 12/ 13 graus. No interior norte e centro, nomeadamente no nordeste transmontano e Beira Alta, serão inferiores a 6 graus”, indicou.

Quanto às temperaturas mínimas, segundo Maria João Frada, vão variar entre os -3 e os -6 no nordeste transmontano e Beira Alta e entre os 5 e os 7 no Algarve.

Está prevista, já a partir de hoje, alguma nebulosidade, que será mais persistente na quarta-feira com a entrada de uma massa de ar mais quente e húmida vinda de sul que vai trazer períodos de chuva ao Baixo Alentejo e Algarve.

Quanto à Madeira, que na segunda-feira esteve sob aviso vermelho, o mais grave, devido à precipitação, Maria João Frada adiantou que os episódios de chuva vão regressar na quarta-feira.

Comentários

topo