Guimarães

“Hoje fazemos a despedida, apareçam”, a angústia de empresária da restauração

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

“É muito tempo a tentar sobreviver, torna-se num desafio angustiante, que nos rouba o ar e a alegria, que nos consome por dentro e nos atira muitas vezes para um local escuro e feio, podemos ir ao chão mas recuso fazê-lo sem lutar, sem vir à tona uma última vez.
A Taberna da Lu vai continuar a trabalhar em take away, assim sendo continuamos com as nossas famosas pingadeiras, podem encomendar para o fim de semana e também à semana. Cada vez mais precisamos da vossa ajuda e das vossas encomendas. Hoje fazemos a despedida, apareçam”, escreve Luísa, proprietária da Taberna da Lu em Guimarães.
Mais uma vez, o confinamento geral é duro para restaurantes, cafés, bares e discotecas.

Comentários

topo