Região

Covid-19. Vila Verde, Braga, Amares e Terras de Bouro com risco “extremamente elevado”

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O boletim epidemiológico de hoje revela também que estão internadas 6.420, mais 303 em relação a domingo o que representa um máximo diário de internamentos, das quais 767 em unidades de cuidados intensivos (mais 25 nas últimas 24 horas).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 10.721 mortes associadas à covid-19 e 643.113 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando hoje ativos 170.635 casos, mais 1.405 do que no domingo.

Concelhos de Vila Verde, Braga, Amares e Terras de Bouro em nível de risco “extremamente elevado”

Com a nova atualização disponibilizada no boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde os concelhos do Vale do Homem e o concelho de Braga estão agora no patamar mais grave no que respeita ao nível de risco de incidência da Covid-19.

Amares passa de risco muito elevado para o patamar mais grave, extremamente elevado, e Braga, Vila Verde, Terras de Bouro mantêm-se no nível “extremamente elevado”, tal como estavam na última atualização a 18 de janeiro.

Incidência cumulativa a 14 dias

A Incidência Cumulativa a 14 dias de infeção por SARS-CoV-2/ COVID-19 corresponde ao quociente entre o número de novos casos confirmados nos 14 dias anteriores ao momento de análise e a população residente estimada, por concelho, a 31 de dezembro de 2019, pelo Instituto Nacional de Estatística, IP. Habitualmente é expressa em número de casos por 100 000 habitantes. Vila Verde conta agora com uma incidência de 1533, Braga 1194, Amares 1125, Terras de Bouro 1258, ou seja, todos acima da incidência mais grave igual ou maior do que 960.

Consulte o risco do seu concelho aqui

Comentários

topo