Região

Depressão “Justine” vem agravar o estado do tempo no Minho no fim de semana

(c) LUSA
Partilhe esta notícia!

Os Açores deverão ser afetados a partir de quinta-feira à tarde pela depressão Justine, prevendo-se um aumento da intensidade do vento, com rajadas que poderão chegar aos 130 quilómetros por hora e ondas de nove metros
Num comunicado enviado hoje às redações, a delegação regional dos Açores do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) informa que a depressão Justine, nomeada hoje, deverá às 00:00 locais de sexta-feira (01:00 em Lisboa) “encontrar-se centrada a cerca de 250 quilómetros a noroeste do Corvo, no seu ponto mais próximo do arquipélago”. No entanto, deverá começar a fazer-se sentir a partir da tarde de quinta-feira.

Prevê-se que a depressão “Justine” provoque “um aumento significativo da intensidade do vento, com rajadas na ordem dos 130 quilómetros por hora nas ilhas do grupo ocidental”, composto pelas Flores e Corvo, “120 quilómetros por hora no grupo central” (Terceira, São Jorge, Pico, Graciosa e Faial) e “até 100 quilómetros por hora no grupo oriental”, que integra as ilhas de São Miguel e Santa Maria, segundo o comunicado assinado pela meteorologista Vanda Costa, da delegação do IPMA no arquipélago.

A norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela, os períodos de chuva também deverão aumentar de intensidade e frequência a partir da tarde do dia 29, estendendo-se gradualmente a todo o território, com queda de neve acima de 1200 metros de altitude durante a madrugada e início da manhã de sábado, pelo que deverá nevar nos pontos mais altos do Parque Nacional Peneda-Gerês.

A região Norte pode ver agravada a intensidade da precipitação e ventos fortes.

Veja as previsões aqui.

Com Agência LUSA

Comentários

topo