Terras de Bouro

Espanhóis salvos no Gerês por bombeiros e GNR podem ter que pagar multa

(c) Bombeiros Voluntários Terras de Bouro
Partilhe esta notícia!

Dois casais de nacionalidade espanhola perdidos ao início da noite de ontem, no alto da Serra do Gerês, foram resgatados pelos Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro e pela Unidade de Emergência de Proteção e Socorro da GNR.

Segundo avança em comunicado a GNR, a que acedeu o Semanário V, quatro pessoas que seguiram um trilho até à zona do Poço Azul, em Vilar da Veiga, acabaram por se perder com o anoitecer durante o regresso, pedindo auxílio às autoridades. As vítimas acabaram por se refugiar numa cabana de pastoreio (Cabana de Arrocela) que habitualmente serve para os pastores se abrigarem dos temporais enquanto vigiam o gado nos montes.

Depois das diligências, através de comunicado, os Bombeiros de Terras de Bouro informam que, no local encontravam-se quatro indivíduos, dois sexo feminino e dois sexo masculino, que não apresentavam ferimentos, mas estavam cansados e desorientados. Após a sua localização através de coordenadas GPS, seguiu para o local uma equipa de resgate em montanha dos Bombeiros de Terras de Bouro, uma equipa de resgate em montanha da UEPS- GNR e uma patrulha da GNR do posto territorial do Gerês.

Fotos: Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro

As equipas percorrerem um percurso de cerca de 1h30

Foi necessário as equipas percorrerem um percurso de cerca de 1h30 apeado até chegar ao local. Após avaliação dos indivíduos confirmou-se não ser necessários a prestação de cuidados pré-hospitalar. Posteriormente, as equipas iniciaram o seu resgate apeado até à cascata do arado onde se encontravam as suas viaturas, esta operação terminou pelas 00.30H

Entretanto, a GNR do Gerês está já a investigar a eventual violação do dever de confinamento e pagamento de multa por parte do grupo, uma vez que se tratam de estrangeiros.

Comentários

topo