Curiosidades

Papa Francisco propõe jejum de “coscuvilhices e maledicências”

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O Papa recomendou no Vaticano um jejum de “coscuvilhices e maledicências”, como forma de preparação para a Páscoa. “Aconselho-vos um jejum, um jejum que não deixará fome: jejuar de coscuvilhices e maledicências”, disse, após a recitação da oração do ângelus, no segundo domingo da Quaresma.

Francisco falava desde a janela do apartamento pontifício, para centenas de pessoas reunidas na Praça de São Pedro. “Nesta Quaresma, não vou falar mal dos outros, não vou coscuvilhar. E isso podemos fazê-lo todos, todos, é um bonito jejum, este”, apelou.

Na sua reflexão dominical, Francisco tinha falado na importância de manter a confiança em Deus, nas provações da vida, nos “momentos de escuridão na vida pessoal, familiar ou social. Acender pequenas luzes no coração das pessoas, ser pequenas lâmpadas do Evangelho que trazem um pouco de amor e esperança: esta é a missão do cristão”, apontou.

Comentários

topo