Região

PSP multa adeptos em Braga e Guimarães por ‘ajuntamento de apoio nas ruas’

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Realizou-se na terça-feira, dia 09 de março, um encontro de futebol profissional entre o Sporting Clube de Braga e o Vitória Sport Club, a contar para a Liga NOS.

Na rodovia de covas em Guimarães

O Comando Distrital da PSP de Braga preparou a operação de segurança ao evento na sua área de responsabilidade nas cidades de Braga e Guimarães. Cerca das 19H50, na rodovia de covas em Guimarães, verificou-se a presença de alguns adeptos em manifestação de apoio ao clube daquela cidade com recurso a bandeiras, cânticos e utilização de pirotecnia, tendo a PSP identificado nesta situação três cidadão e procedido ao registo de quatro autos de notícia por contraordenação (3 por presença na via pública em violação às normas vigentes no âmbito do combate à pandemia por covid-19 e 1 por posse de artigo pirotécnico).

Em Braga

Na cidade de Braga, pelas 20h05 na Av. Padre Júlio Fragata, junto ao centro comercial Bragaparque, foi realizada uma ação de apoio ao clube da cidade por parte de algumas dezenas de adeptos com recurso a pirotecnia e corte momentâneo da circulação automóvel, tendo a PSP reposto rapidamente a normalidade e identificado 1 cidadão ao qual foram levantados dois autos de notícia por contraordenação (1 por presença na via pública em violação às normas vigentes no âmbito do combate à pandemia por covid-19 e 1 por posse de artigo pirotécnico).
A segurança do espetáculo desportivo foi garantida, sem que tenha ocorrido qualquer outro incidente.

“A PSP lembra que a posse e o manuseamento de artigos pirotécnicos colocam em causa a integridade física de terceiros e do próprio utilizador, estando por isso mesmo tal conduta estatuída legalmente como contraordenação e, nalguns casos, crime. Reforça-se ainda a necessidade de cumprimento de todas as normas vigentes no âmbito da execução do estado de emergência e do regime jurídico da segurança e combate ao racismo, à xenofobia e à intolerância nos espetáculos desportivos”, refere a PSP em comunicado.

Comentários

topo