Vila Verde

Xico Malheiro de Vila Verde faz digressão da música tradicional nas rádios do Minho

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Xico Malheiro, nasceu em Maio de 1961 em Vila Verde, Braga. Multi-instrumentista, que por influencia do seu pai, começou a tocar cavaquinho por volta dos 4 anos de idade. Com pouco mais de 6 anos tinha, quando pela mão do seu progenitor foi levado a um ensaio do Rancho Infantil, onde ficou e de onde saltou para o Folclore sénior, da terra que o viu nascer. Em Setembro de 1980 foi convidado a integrar a formação do Grupo de Música Tradicional Portuguesa “Raízes”, onde permanece até hoje.

Projeto “Xico Malheiro e convidados”

Paralelamente dá aulas de cordofones e tem um projeto musical “Xico Malheiro e convidados” em que basicamente dá relevo à musica tradicional portuguesa, dando seguimento ao que já faz no Grupo “Raízes”.
Alem da musica de tradição oral, interpreta também temas de outros canta-autores portugueses como José Afonso, Sérgio Godinho, João Loio, Manuel Freire entre outros. É normalmente acompanhado por quatro músicos, percussionista, viola baixo, guitarra clássica e viola braguesa, e ainda convida uma voz feminina para interpretar alguns fados. Como músico tem sido convidado para participar na gravação de CDs / DVDs de outros grupos-músicos como Maria do Ceo (Fadista Galega) A Quella (Musica Tradicional Galega) José Barros – Navegante, Augusto Canário entre muitos outros.

Xico Malheiro de Vila Verde toca na Radio Ecos da Raia, dia 10 de março às 14h00

Música corre-lhe nas veias

Xico falou com o Semanário V e revelou que “Esta ideia de gravar surgiu numa viagem de alfa pendular depois de ser convidado num concerto no Olga Cadaval. Na minha companhia seguia o meu amigo José Moças, que me interrogou:

– Porque não gravas um disco? Eu que tinha uma maqueta gravada na casa do amigo Toninho Silva, e disse ao Moças que ligou aos meus amigos José Barros e José Manuel David e foi assim que começou isto tudo. Tinha esta maqueta que seria, um disco de instrumentais gravados por mim, mas quando chegou às mãos destes dois músicos, alteraram a ideia, e passou a ser um trabalho temático com temas quase em exclusivo da região do Minho. Gravei este trabalho “40 Anos a cantar Raízes” primeiro por uma realização pessoal, depois para comemorar, o quadragésimo aniversario do grupo Raízes”. O disco está nas bancas, e Xico Malheiro anda pelas rádios do Minho a fazer a digressão.

Rádios do Minho recebem Xico Malheiro

A pandemia, fechou as portas dos concertos, e Xico Malheiro reinventou-se e está a iniciar uma ‘ronda’ pelas rádios do Minho para levar a todo o mundo a música tradicional e o seu disco. Iniciou na Rádio Barca, passando pela Rádio de Monção, Ecos da Raia, hoje, pelas 14h00 e amanhã estará na Rádio Ondas do Limas de Ponte de Lima à conversa com o “Tavares”.

Vila Verde. Xico Malheiro lança disco original a solo: “40 anos a cantar raízes”

Comentários

topo