Barcelos

Barcelos avança com investimentos para valorizar os ‘Caminhos de Santiago’

(c) CM Barcelos
Partilhe esta notícia!

Foi aprovado o financiamento de 77.545,00€ para um projeto de promoção e valorização dos Caminhos de Santiago do Oeste Peninsular , no âmbito do Programa de Cooperação Territorial Espanha-Portugal (POCTEP) apresentado por um consórcio constituído por 10 entidades espanholas e apenas três portuguesas, sendo elas o Município de Barcelos, o Turismo do Alentejo e o Turismo do Centro.
O projeto tem como objetivos, a promoção dos Caminhos de Santiago, o desenvolvimento económico dos territórios participantes do oeste peninsular, aumentar o número de viajantes e peregrinos, recuperar os espaços e áreas naturais, bem como o património histórico e cultural envolvente dos Caminhos de Santiago, aumentar a competitividade das regiões e dos serviços de turismo transfronteiriço.
Para isso, serão melhorados equipamentos, tecnologia, sinalização e organização de atividades que permitirão aos parceiros do projeto potenciar as oportunidades que os Caminhos proporcionam, tendo em vista o seu desenvolvimento.
As ações no território de Barcelos incluem a instalação de sinalética de segurança e cultural; a recuperação de património edificado e a dinamização dos Caminhos, com a formação de estudantes como vigilantes e guias de peregrinos, a sensibilização da população e dos agentes económicos e civis para o apoio aos peregrinos e a aquisição de equipamentos de mobilidade para pessoas com mobilidade reduzida; a implementação de atividades de dinamização cultural nos albergues, para além de outras ações.
Entre as ações de recuperação do património edificado está a requalificação e reconversão da antiga escola primária para extensão do Albergue Municipal de Tamel S. Pedro Fins.
Entretanto, o Albergue Municipal foi, também, alvo de obras de conservação que permitiram melhorar e valorizar o espaço. Foram executados trabalhos de conservação do edifício existente, como a ampliação da lavandaria, a melhoria do sistema de drenagem de águas pluviais e a sua ligação à rede existente, o isolamento térmico, pintura exterior e manutenção de espaços interiores.

Comentários

topo