Póvoa de Lanhoso

Ministra do Trabalho e Segurança Social visitou a Misericórdia da Póvoa de Lanhoso

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

A Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, visitou a Instituição, no âmbito de um projeto piloto, desenvolvido em parceria com a UMP e a NOS, que se encontra implementado, nomeadamente, no serviço de apoio ao domicílio, acompanhada com o Provedor da Santa Casa da Misericórdia da Póvoa de Lanhoso, Humberto Carneiro.

Entre as várias personalidades, estiveram presentes o Manuel Lemos, Presidente da UMP, Sr. Avelino Silva, Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Manuel Ramalho Eanes, Administrador da NOS.

A visita realizou-se no âmbito de um projeto inovador, implementado na Instituição povoense, em parceria com a NOS, operadora nacional, que visa a melhoraria de qualidade de vida, eficiência na segurança e integração social dos utentes de SAD.

Após visita às várias valências da Instituição, a Ministra salientou o excelente trabalho realizado, nestes tempos difíceis, nas parcerias e nada rede criada entre as várias instituições, autarquias e Governo. Um trabalho conjunto com grande capacidade de articulação e resposta. Reforçou, ainda, que a pandemia mostrou que é necessário criar alternativas nas respostas sociais para promover a autonomia, longevidade e qualidade de vida da população “O objetivo desta visita é ser inspirada pelas vossas respostas sociais, implementadas na instituição, em prol das pessoas.”

O Provedor, Humberto Carneiro, reforçou as várias iniciativas realizadas pela Instituição em resposta ao estado pandémico que a todos abalou, nomeadamente, a criação de várias medidas de segurança com os colaboradores e utentes, o sistema de triagem, a criação da Unidade de Cuidados Moderados para doentes COVID19 positivos, entre outras. Referiu, ainda, os vários projetos inovadores concretizados ao longo dos anos na Instituição, bem como, a necessidade de continuarmos a inovar, como forma de manter a qualidade do serviço prestado no âmbito das respostas sociais, cada vez mais exigentes.

Entre os presentes, Manuel Ramalho Eanes, administrador executivo da NOS, apresentou o projeto e a oportunidade da digitalização tecnológica no sector social, com o objetivo de potenciar a eficiência, eficácia e a qualidade de vida dos utentes. Uma visão que traz consigo um conjunto de outros benefícios adicionais.

De recordar, que este não é o primeiro projeto inovador implementado na Instituição povoense. Em 2019, com a plataforma de gestão de tarefas e atividades – GTA, implementada nas valências da Instituição, venceu o prémio nacional de saúde sustentável.

Comentários

topo