Vila Verde

País em estado de calamidade a partir das 0h00 de 1 de maio

(C) LUSA
Partilhe esta notícia!

António Costa anunciou que o país entra em estado de calamidade às 0h00 do dia 1 de maio depois de Marcelo Rebelo de Sousa não propor a renovação do estado de emergência e avisa “a pandemia ainda não acabou”.

O Governo decidiu hoje decretar situação de calamidade a partir de sábado devido à pandemia de covid-19, depois de Portugal continental ter passado por 15 períodos de estado de emergência, que vigoravam desde 09 de novembro.

“O estado de emergência será substituído pelo estado de calamidade, que vigorará a partir das 00:00 do próximo dia 1.º de maio”, disse o primeiro-ministro no final da reunião do Conselho de Ministros sobre a última fase de desconfinamento.

A situação de calamidade é o nível de resposta a situações de catástrofe mais alto previsto na Lei de Base da Proteção Civil, depois da situação de alerta e de contingência.

Comentários

topo