Braga

Município de Braga “corta estrada” para realizar feira semanal e revolta condutores

(c) Direitos reservados - João Paulo Mesquita
Partilhe esta notícia!

“Cá temos a feira semanal de Braga de volta à estrada! Cortada, para o efeito! Quando queremos exercer o poder, mas não temos melhores ideias, dá nisto”, desabafa condutor.
Braga deve ser a única capital de distrito que corta uma das suas entradas (desde Guimarães e zona Sul do concelho) para fazer a Feira Semanal.

População e condutores revoltados

“Há quantos anos andamos nesta solução precária ou provisória? Os pobretanas, não “betos das feirólas”, não podiam ir infestar o parque de estacionamento com feiras, feiras é coisa suja e de pobre. De povo (bracarense, aquele que lhes dá poder) – Então temos o Fórum Vigarice, desculpem, “Altice dos betos”, e a feira do povo que, a não se poder deitar ao lixo, os betos apropriam-se da estrada Nacional, que não é deles. – O povo de Braga gosta assim. De ser roubado e humilhado. Os “betólas” agradecem e governam-se, não governam”, desabafa um popular.

Esta solução causa o caos no trânsito em Braga e sem solução à vista com a população e utilizadores da estrada de acesso a Guimarães “de cabeça perdida”.

Comentários

topo