Vila Verde

Armando Azevedo, candidato do Chega a Prado São Miguel, luta ‘pela igualdade’

(c) Semanário V
Partilhe esta notícia!

O Semanário V esteve em conversa, em exclusivo, com Armando Azevedo, em Prado São Miguel, no monte de São Miguel-O-Anjo a onde o candidato do Chega abriu o coração para explicar a razão da sua candidatura à junta de freguesia de Prado São Miguel.

Quem é Armando Azevedo?

Armando Azevedo, nasceu e foi criado na freguesia de Prado são Miguel. No seio de uma família humilde e numerosa, conhecidos pelo apelido de Azevedos. O pai era João Carlos Azevedo que em tempos foi Regedor desta freguesia, onde era respeitado por todos. Era uma pessoa com conhecimentos e largas amizades. A mãe era Clementina Meireles de Azevedo, também ela ligada ao trabalho que ficou viúva muito cedo e com filhos ainda menores a seu cargo. Dedicou – se de corpo e alma aos filhos, tendo para isso que passar por muitas dificuldades visto ter que fazer o papel de pai e mãe.
Armando frequentou a escola mas numa fase da adolescência e vendo as dificuldades da mãe decidiu deixar a escola para ir trabalhar.
Aprendeu a arte de carpinteiro e seguiu sempre esse sonho de ter o seu próprio espaço, com algumas dificuldades mas com persistência conseguiu ter a minha própria carpintaria onde trabalhou anos até ao dia em que tive um acidente de viação que o atirou para uma cadeira de rodas.
Esteve hospitalizado um ano e meio e quando regressei a casa sentia-se triste, desanimado e com a necessidade de ter algo ocupasse o tempo. Daí a sua candidatura a presidente da junta de Prado são Miguel, juntamente com a vontade de mostrar que “somos todos diferentes mas todos iguais”.

Semanário V O que motivou a sua candidatura à junta de freguesia de Prado São Miguel e aceitar o convite do Chega?

Armando – O que me motivou a candidatar à junta da minha freguesia foi o facto de me sentir capaz física e psicologicamente de olhar pelos interesses da freguesia e do povo que cá habita, visto que tenho disponibilidade a 100% para me ocupar dos interesses dos habitantes de Prado são Miguel.
Aceitei o convite do Chega porque toda a política que se tem desenvolvido até hoje não está correta e não me parece que seja o melhor para o país, nem para a freguesia, concordando sim com as ideias do dr. André Ventura para o Governo e a do Sr. Fernando Silva para a Câmara.

Semanário V – É natural e morador da freguesia de Prado São Miguel? Quais os maiores problemas da freguesia?

Armando – Sim, sou natural e morador de Prado são Miguel, como disse anteriormente, e o maior problema da freguesia é a junta atual não mostrar interesse algum pela freguesia a não ser a dois/três meses das eleições.
Os problemas da freguesia continuam a existir nomeadamente, saneamento e outras necessidades que posteriormente irei divulgar. Os problemas têm que ser resolvidos.

Semanário V -Tem já planos para mudar a freguesia?

Armando – Sim, tenho alguns planos em mente e serão divulgados na hora certa e aos habitantes da freguesia quando conversar com cada um deles. Não quero que as ideias venham a ser concretizadas por quem durante anos não teve o discernimento de pensar na freguesia com gosto e amor à camisola.

Semanário V – A água pública é um dos problemas mais graves na freguesia de Prado São Miguel. Tem algum plano para que seja possível abastecer a freguesia com este bem essencial?

Armando -Sem dúvida que sim… Tenho…. Prado São Miguel tem potencial para abastecer-se a si próprio de água. Neste momento esse é um dos graves problemas da freguesia e a junta atual está, a dois meses das eleições a fazer entradas e caminhos para “meia dúzia de casas” em vez de resolver os verdadeiros problemas da freguesia.

Semanário V – A sua candidatura marca as eleições em Vila Verde pela sua condição física. É um dos primeiros, se não o primeiro candidato ‘cadeirante em Vila Verde’. Sente-se igual a todos os seus adversários e com força para vencer as eleições?

Armando – A minha condição física não é nenhum entrave para eu me candidatar, pois sou tão capaz como qualquer outra pessoa no seu estado normal, mesmo estando numa cadeira de rodas não me sinto inferior a ninguém.
E sinto-me com força e determinação para ser um bom presidente de junta, dedicado e presente para os habitantes desta freguesia. Tenho todo o tempo para a freguesia e sei que a minha equipa está decidida a mudar o rumo de Prado São Miguel.

Semanário V – Se for eleito presidente de Prado São Miguel quais as suas prioridades para a freguesia?

Armando – As minhas prioridades são as necessidades do povo de Prado são Miguel.

Armando Azevedo apoia a candidatura de Fernando Silva (Feitor) à Câmara Municipal de Vila Verde por entender que este é o momento de mudar o rumo de Vila Verde e das freguesias. “Temos que ter vozes ativas na Câmara Municipal, que ouçam os vilaverdenses e que ajudem a resolver os graves problemas do concelho em cada uma das freguesias”.

Comentários

topo