Braga

“Festinhas danificam Praça do Municipio em Braga e Câmara nada faz”, denuncia Bracarense

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Uma das praças mais emblemáticas da cidade de Braga, a Praça do Municipio que deveria ser salvaguardada pelo Municipio, viu por Ricardo Rio ser palco de tendas e pavilhões que para a sua montagem obrigou a que camiões com mais de 40 toneladas nela circulassem.
Resultado: o granito do seu piso com caracteristica histórica pelo tempo e desgaste, foi danificado e ainda que o Municipio decida pela substituição de alguns retangulos ou quadrados de granito partido e desnivelado, nunca vai, pelo contraste da qualidade da pedra, devolver à praça a beleza, e a traça caracteristica que a mesma durante séculos teve.

F

otos: Direitos reservados

“As festas e festarolas do atual executivo municipal, para além de não terem trazido riqueza para a cidade, acabaram nesta praça em concreto, por ser prejudiciais ambiental e financeiramente. A Praça ficou pior com a destruição de um piso que era referência histórica. Como cidadão Bracarense estou indignado com a destruição de um espaço que deveria merecer mais respeito da parte de quem governa o Municipio”, denúncia Bracarense em comunicado ao Semanário V.

Antigos presidentes valorizavam a Praça

Segundo o mesmo cominicado, Braga teve Presidentes que a valorizaram e tem agora um Presidente que sem ter consciência do património histório, utilizou espaços cuja dignidade na memória coletiva, deveriam servir para eventos pedonais para divulgação da arte e cultura Bracarense e não para serem destruidos pelo rodado de camiões de tonelagem absurda que deixaram o piso da praça como as fotografias que anexo documentam.
“Apelo pois aos Bracarenses que se manifestem nas redes sociais e através de emails para o municipio e denunciem este atentado ao património histórico”, conclui o cidadão.

Comentários

topo