Braga

PAN Braga quer “Estratégia Municipal de Combate ao Desperdício Alimentar”

(c) PAN Braga
Partilhe esta notícia!

O candidato do PAN à Câmara Municipal, Rafael Pinto e o candidato à Assembleia, Tiago Teixeira fizeram esta segunda-feira voluntariado na cozinha solidária “Virar a Página”.

Esta cozinha, criada no início da pandemia, funciona através de voluntários e donativos e serve centenas de refeições por dia. Uma grande parte dos produtos são excedentes, com qualidade, de restaurantes, padarias, do Mercado Municipal e mercado abastecedor, impedindo assim o desperdício alimentar.

“O trabalho destes voluntários é extraordinário” afirma Rafael Pinto, acrescentando “Não só estão a dar uma resposta de emergência a necessidades sociais, suprimindo respostas básicas de emergência alimentar, garantindo bens de subsistência a um grande número de famílias, como ainda contribuem para melhorar o ambiente, reaproveitando grandes quantidades de restos alimentares que teriam como destino o lixo, mas que grande parte ainda se encontra em perfeitas condições de consumo.”

À margem da ação, o candidato apresentou várias propostas do programa eleitoral como a criação de uma Estratégia Municipal de Combate ao Desperdício Alimentar, “o desperdício alimentar é um problema absurdo a vários níveis, que não só acarreta grandes danos ambientais, com o gasto desnecessário de recursos, como é simplesmente imoral deixarmos tanta comida ir para o lixo, quando tantos precisam!”, continua o candidato, “em parceria com restaurantes, cantinas, cafés, e outras entidades, mas também com a população, a autarquia tem que ser parte activa na procura de soluções com a sociedade civil na procura de respostas para este flagelo”.

Dentro desta Estratégia, o PAN quer criar uma rede de excedentes agrícolas, “produzidos para autoconsumo ou para fins comerciais”, que possam ser recolhidos e distribuídos para estes projetos e para pessoas em situação de vulnerabilidade económica.

Para o partido, a autarquia deve ainda “envolver as grandes superfícies comerciais” neste combate, como condição para a concessão e renovação de licenças.”

Comentários

topo