Vila Verde

Assembleia ‘quente’ na Ribeira do Neiva com insultos, acusações e ameaças

(c) Ariana Azevedo
Partilhe esta notícia!

O presidente da junta da UF da Ribeira do Neiva deu início aos trabalhos em nova assembleia para eleição do executivo da freguesia esta terça-feira dia 26 de janeiro. A sessão iniciou com a renúncia de um membro ao mandato. Após elegerem novo membro devido lei da paridade, José Azevedo iniciou a reunião para a eleição do executivo com um discurso onde apelava à união de todas as forças partidárias, relembrando que a junta de freguesia precisa se estabilidade. No seu discurso, José Azevedo falou numa dívida de 61 mil euros que “herdou” da junta anterior. Nesse momento o auditório silenciou e vozes de revolta da população presente fizeram-se sentir.

Eleição do executivo “não passou”

Seguiu-se a tentativa de eleição de Candy Costa para secretária recebeu 5 votos contra e 4 a favor, não passando na eleição e a eleição de José Dantas para tesoureiro recebeu 4 votos a favor e 5 votos contra não sendo eleito também para o cargo.

Fotos: Ariana Azevedo

Mais uma vez não houve consenso na Ribeira do Neiva e o executivo anterior transita até uma nova eleição com Candy Costa e Paulo Lopes a continuarem nos cargos.

“Insultos e ameaças na assembleia”

No final da reunião houve uma conversa informal onde foram apresentados dados das contas das extintas juntas de freguesia porque foram postas em causa por um cidadão que questionou o presidente da junta acerca do caso. O final da reunião ficou marcado por algumas ameaças e palavras mais ‘quentes’ entre membros eleitos nomeadamente “palhaço” “lá fora falamos” “não me mandas calar” “não te conheço de lado nenhum” entre outros, já com a sala vazia na altura da leitura da ata da reunião de assembleia.

José Azevedo, presidente da junta eleito, pautou pela tentativa de deixar as pessoas expressarem a sua posição e foi um moderador nestes discursos e troca de palavras mais acesas.

Comentários

topo