Vila Verde

Concelho de Vila Verde está fora dos ‘Prémios Municípios do Ano – Portugal 2021’

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Sexta edição da iniciativa da Universidade do Minho conta com 27 municípios nomeados em várias categorias e para o Grande Prémio. Amares, Cabeceiras de Basto, Monção, Guimarães, Barcelos, Braga e Famalicão estão nos finalistas, avança o Correio do Minho.

A entrega dos Prémios Municípios do Ano – Portugal 2021 realiza-se a 2 de Dezembro, no Teatro Municipal Baltazar Dias, no Funchal. A organização cabe à Universidade do Minho, através da plataforma UM-Cidades, e ao Município do Funchal.

O concurso visa reconhecer as boas práticas de projetos implementados por municípios com impacto no território, na economia e na sociedade, promovendo o crescimento, a inclusão e a sustentabilidade, segundo a mesa fonte.

Os finalistas de 2021 do Minho são: Amares, Cabeceiras de Basto e Monção (Norte com menos de 20 mil habitantes); Amarante e Guimarães (Norte com mais de 20 mil habitantes).

O grande Município do ano foi ganho em 2014 por Lisboa (projecto ‘Há Vida na Mouraria’), em 2015 por Vila do Bispo (Festival de Observação de Aves & Actividades de Natureza ), em 2016 pelo Fundão (Academias de Código), em 2017 por Guimarães (Pay-as-You-Throw no Centro Histórico), em 2018 por Arouca (Arouca – Geoparque Mundial da UNESCO) e em 2019 pelo Funchal (Funchal, Destino Acessível).

Comentários

topo