Braga

Braga. GNR manda junta de S. Victor limpar ‘lixeira e resíduos’ após queixa de cidadão

(C) Carlos Dobreira
Partilhe esta notícia!

A 12 de Novembro Carlos Dobreira informa que foi notificado, via email, pela GNR, de que no seguimento da denúncia de 16 de abril, o Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA/GNR), através do Núcleo de Proteção Ambiental do Destacamento Territorial de Braga, “elaborou o Ofício n.º 255/21, remetido à Junta de Freguesia de São Vítor, a solicitar a deslocação de técnicos ao local, afim de proceder à recolha dos resíduos e efectuar o devido encaminhamento.”

A denúncia à GNR respeitava a cheiros pestilentos e incómodos e resíduos perigosos na freguesia de São Victor (concelho de Braga), na Rua da Fábrica Social Bracarense, utilizada por um número considerável de estudantes universitários e residentes.

Os cheiros, provenientes de montes de alcatrão, estavam a poucos metros da Unidade de Saúde Pública e de habitações.

A denúncia referia-se ainda à presença de resíduos perigosos, tais como óleo de motor usado, resíduos de construção e demolição, assim como muitas pichagens em edifício devoluto e outro edifício habitacional.

“Como cidadão denunciante espero uma intervenção célere do Senhor Presidente da Junta de Freguesia de São Vítor nos próximos dias, admitindo recorrer aos tribunais em caso de morosidade”, escreve Carlos Dobreira.

Comentários

topo