Vila Verde

Paulo Renato anuncia recandidatura à presidência dos Bombeiros de Vila Verde

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Paulo Renato anunciou a sua (re)candidatura aos bombeiros de Vila Verde. Em comunicado enviado ao Semanário V, explica as razões e motivações para a sua recandidatura.

Comunicado na íntegra:

Cumprindo os formalismos legais que os estatutos da nossa mui nobre associação assim o exigem, formalizamos no passado dia dezoito de novembro, a nossa candidatura aos órgãos sociais de Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Vila Verde.

Esta candidatura é encabeçada por Mota Alves a presidente da Assembleia Geral, Mário Nogueira a presidente do Conselho Fiscal e Paulo Rocha a Presidente da Direção, sendo Bento Morais mandatário da mesma.

Paulo Renato mostra orgulho do trabalho realizado

“Os sócios da Associação podem acreditar nesta Direção – uma equipa idónea no rumo certo! Este projeto, que abrange elementos de vários grupos profissionais da sociedade vilaverdense, primou pela competência nos cargos distribuídos, embora com alguma resistência aquando do momento em que tivemos de “arrumar a casa” em prol de uma modernização estrutural vinculativa, que foram o garante que zelou pelos interesses exclusivos da Associação. Queremos continuar o trabalho que está a ser executado e desenvolver mais uma série de projetos que possuímos em carteira, oferecendo mais condições ao nosso corpo ativo e continuar a abrir a Associação à sociedade civil e a todos os vilaverdenses. No atual cenário em que vivemos, os métodos que funcionavam bem outrora, já não eram suficientes para atender as demandas dos tempos hodiernos. O triénio que agora finda foi sustentado sob os seguintes lemas: organização, empenho, dedicação, transparência, respeito, disciplina, imparcialidade e, para tal, contamos com uma Direção empenhada e com uma envolvência salutar e gratificante da sociedade civil neste processo.
Na verdade, sabemos que a modernização de qualquer instituição/empresa é imprescindível não só para criar mais agilidade ao serviço e maior organização, mas também como contributo para fazê-la crescer.
Os serviços tinham de ser, forçosamente, modernizados para que a faturação fosse feita em tempo real, havendo a necessidade de se integrar novas colaboradoras.

Assim sendo, estávamos cientes de que urgia a necessidade de modernizar os serviços com novas ferramentas e tecnologias em busca do aumento da produtividade nas tarefas diárias, daí que este novo modus operandi tivesse impulsionado um significativo aumento de receita.
Ao nível dos transportes de doentes não urgentes e socorro, duplicamos, no mínimo, a nossa prestação de serviços e, consequentemente, o volume de faturação.

Prestamos mais alguns serviços de importância fundamental no quotidiano da vida dos vilaverdenses, tais como a destruição de ninhos de vespas velutinas, sendo que este ano já destruímos mais de setecentos ninhos.
Certificamos alguns serviços, obtivemos a certificação por parte da Dgert da nossa formação, alargamos a nossa área de atuação ao serviço do tecido empresarial vilaverdense, como a formação, simulacros e apoio logístico. Realizamos diversos protocolos com o mesmo e fomentamos uma partilha de saber com toda a sociedade vilaverdense.
Participamos numa série de prevenções, com meios de combate a incêndios e meios de emergência médica.
Em tempos de pandemia, tivemos sempre uma atitude ativa, participando com as autoridades locais, quer ao nível da vacinação, limpeza e desinfeção de espaços públicos, como também na prestação de um socorro personalizado a todos os infetados por esta pandemia.

Aumentamos a nossa frota, demos melhores condições de trabalho e segurança aos nossos operacionais, quer ao nível de equipamentos coletivos, como de segurança pessoal. Contamos com um tecido empresarial empenhado e contributivo, entidades, associações e instituições públicas e publico em geral que se uniram, afincadamente, a nós e contribuíram para que muitos sonhos se tornassem realidade. Destacamos o contributo do Município de Vila Verde, da Santa Casa da Misericórdia, das Juntas de Freguesia e muitas empresas privadas que sempre disseram “PRESENTE” quando mais necessitávamos.

Ao nível de organização interna, organizamos e asseguramos que todos os nossos operacionais cumprissem com as suas obrigações legais, não só a nível de medicina no trabalho, como também a habilitação para conduzir as nossas viaturas através do averbamento dos respetivos títulos de condução.

Hoje, podemos dizer que a AHBVVV é uma organização financeiramente estável e, consequentemente, estamos a rumar para a sua autossustentabilidade financeira e para a profissionalização dos serviços.

Não poderíamos deixar de enaltecer o trabalho proativo de todas as nossas Colaboradoras e dos nossos Bombeiros, já que, sem eles, não seria possível o aumento brutal da receita e de todo o trabalho desenvolvido. Estamos convencidos de que este é o caminho! Não há outro! Investimos na formação, na reorganização dos serviços, em equipamentos e meios humanos, para que a produtividade e a consequente receita fosse efetiva como se veio a comprovar.

Deste mandato, para além da reorganização real dos serviços, destacamos:

* A construção da nova central de operações.
* Aquisição de dois camiões VALE, com capacidade de 20.000l, no valor estimado de mais de 50.000,00€ /cada.
* Equipamento de proteção individual urbano para trinta operacionais, no valor estimado de 30.000,00€.
* Aquisição de quatro ambulâncias, duas das quais novas.
* Pagamos os financiamentos existentes e liquidação de quatro ambulâncias da direção anterior.
* Amortizamos o pagamento da central telefónica da direção anterior.
* Transformamos vários veículos de transporte de doentes não urgentes.
* Equipamos o novo veículo florestal de combate a incêndios.
* Transformamos e estamos em fase de legalização do VOP.
* Adquirimos vários equipamentos de proteção individual para o COVID19.
* Aquisição de vários equipamentos de proteção individual.
* Adquirimos e está em fase de entrega mais uma ambulância para Emergência.
* Reforçamos a emergência com mais uma equipa ao fim de semana.
* Reorganizamos o comando, tendo promovido os três adjuntos de comando.
* Dotamos as nossas camaratas masculinas com novos colchões, estrados e roupas de camas.
* Reorganizamos a nossa rouparia de fardamento, bem como criamos um processo individual de cada operacional.
* Temos contabilidade analítica ao momento atual. Hoje sabemos quanto nos custa um serviço, uma viatura ou um operacional.
* Criamos um departamento de compras, para aumentar a transparência nos bens que adquirimos.
* Todos as receitas que entram na associação, cotização dos sócios, donativos ou faturação de serviços, são todos registados em programas informáticos próprios. Acabamos com os recibos manuscritos.
* Legalizamos a nossa Fanfarra, quer a nível operacional, como logístico e de seguros.
* A nossa central de operações, bem como a equipa de emergência médica a qual temos protocolo como INEM são totalmente profissionalizadas.

Acões de destaque:

* GANHAMOS O CONCURSO PÚBLICO DE SERVIÇO DE TRANSPORTE NÃO URGENTE DE DOENTES EM AMBULÂNCIA PARA O HOSPITAL DE BRAGA, E.P.E.
* DESTRUIÇÃO DE NINHOS DE VESPAS VELUTINAS.
* PROTOCOLOS DE COOPERAÇÃO ENTRE A A.H.B.V.V.V. E VÁRIAS ENTIDADES, ASSOCIAÇÕES E ORGANIZAÇÕES VILAVERDENESES.
* EFETUAMOS E ESTABELECEMOS CONTACTOS COM TODAS AS JUNTAS DE FREGUESIA QUE CONTRIBUÍRAM FINANCEIRAMENTE PARA A NOSSA CAUSA.
* MANUTENÇÃO DO NOSSO VUCI – Veículo Urbano de Combate a Incêndios.
* VACINAÇÃO COVID-19 – Centro de Vacinação da Vila de Prado, efetuámos uma parceria com o Município de Vila Verde no transporte de utentes ao centro de vacinação.
* EQUIPA ESPECÍFICA DE APOIO HOSPITALAR AO TRANSPORTE DE DOENTES COVID-19.
* NEWSLETTER DA ASSOCIAÇÃO.
* SERVIÇOS NACIONAIS E INTERNACIONAIS DE TRANSPORTE DE DOENTES.
* PROTOCOLO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS COM VÁRIAS SEGURADORAS.
* PARTICIPAMOS NA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19 NOS LARES CONCELHIOS.
* ENTREGA DE MEDICAMENTOS AO DOMICÍLIO – SERVIÇOS DE TRANSPORTE PERSONALIZADOS.
* AUMENTAMOS O NÚMERO DE ASSOCIADOS PARA PERTO DE MEIO MILHAR SÓ NESTE MANDATO.
* ENVOLVEMOS O TECIDO EMPRESARIAL VILAVERDENSE EM VÁRIOS PROJETOS DE PROTEÇÃO CIVIL
* PREVENÇÃO JUNTO DAS POPULAÇÕES – COVID 19.
* PARTICPAMOS ATIVAMENTE NO PLANO DE DESINFEÇÃO DE ESPAÇOS E EQUIPAMENTOS PÚBLICOS.
* EFETUAMOS A FESTA DE NATAL DOS FILHOS DOS BOMBEIROS DA AHBVVV.
* TIVEMOS A ASSOCIAÇÃO HUMANITÁRIA DE BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE VILA VERDE COM FORMAÇÃO CERTIFICADA PELA DGERT.
* RASTREIOS DE SAÚDE E PSICOLOGIA NO RECINTO DA FESTA DAS COLHEITAS.
* PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO COM SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE VILA VERDE.
* FORMAÇÃO NA ÁREA DA PROTEÇÃO E COMBATE A INCÊNDIOS E PRIMEIROS SOCORROS AO TECIDO EMPRESARIAL VILAVERDENSE.
* BRIEFING OPERACIONAL DISTRITAL.
* EFETUAMOS O IV ENCONTRO NACIONAL DE FANFARRAS.
* EFETUAMOS A TERTÚLIA, SUBORDINADA AO TEMA “OBRIGAÇÕES LEGAIS DOS PROPRIETÁRIOS NA PRESERVAÇÃO DAS NOSSAS FLORESTAS”.
* ESTAMOS NA PARCEIRA NO PROJETO “IDADE MAIOR” QUE JÁ ENVOLVE MAIS DE 200 IDOSOS IDENTIFICADOS.

Comentários

topo