Vila Verde

Martinho evoca Aparício para defender Bombeiros de Vila Verde de “ervas daninhas”

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Martinho Gonçalves veio a público, através das suas redes sociais, reagir às eleições que se aproximam nos Bombeiros de Vila Verde. Martinho Gonçalves conhecido socialista de Vila Verde tece duras críticas a Paulo Gomes, candidato da lista B ao Bombeiros de Vila Verde.

Martinho Gonçalves refere que “Há momentos das nossas vidas em que somos obrigados ou instintivamente impulsionados a intervir no espaço público, umas vezes simplesmente para dar a nossa opinião sobre um determinado assunto e, noutras circunstâncias, também para ir mais longe e fazer apelos públicos para que os nossos concidadãos tomem uma determinada atitude. Pois bem, é esse o caso das próximas eleições da Direção dos Bombeiros Voluntários de Vila Verde”.

Família de associados e amigos dos Bombeiros de Vila Verde

Martinho Gonçalves afirma que a sua família (quer do lado dos Pinheiros quer dos Gonçalves) tem uma ligação muito próxima, duradoura e sentimental com esta instituição!
O pai e o avô materno, nos anos 70 e 80, do século passado, foram ambos Comandantes dos Bombeiros Voluntários de Vila Verde, o irmão Gonçalo, recentemente, também foi Adjunto de Comandante e o tio Guilherme Macedo (o 19, como sempre foi conhecido de todos) foi um destacado e conhecido soldado da paz e, por muitos anos, o porte estandarte da bandeira dos bombeiros.

“Como deputado estive do lado dos Bombeiros de Vila Verde”

Afirmação na íntegra

Martinho afirma “Eu próprio participei muitas vezes (de modo discreto) nas atividades dos bombeiros e não deixei de contribuir para o apoio à instituição, aquando da minha presença na Assembleia da
República e, especialmente, no Governo de Portugal. Pois bem, esta minha ligação aos Bombeiros e o conhecimento público de que o cidadão Paulo Gomes se prepara para disputar a Presidência da Direção dos Bombeiros Voluntários de Vila Verde, levou-me a vir publicamente divulgar o meu sentido de voto e, principalmente, alertar os sócios e todos os vilaverdenses do futuro negativo que esta candidatura poderá representar para os sócios dos Bombeiros e, não só, mas também, para os outros vilaverdenses que tanto precisam dos nossos bombeiros.

Duas razões para esta tomada de posição:

Primeiro, porque não vejo neste candidato as mínimas aptidões e condições, pessoais e profissionais, para presidir a uma instituição tão importante e prestigiada como é a dos nossos Bombeiros.
E também porque o desempenho tido nas outras instituições que serviu no nosso concelho não nos deixa seguros relativamente ao que o Paulo Gomes poderia vir a fazer. E segundo, porque prometi ao meu grande e saudoso amigo António Aparício, avô dos filhos do Paulo Gomes (e que faleceu com ele “atravessado no seu coração…”), que sempre me pediu para que, quando o Paulo Gomes se habilitasse a mais um qualquer cargo público em Vila Verde, se fizesse notícia pública do acontecimento para os vilaverdenses perceberem melhor quem é esta personagem e o mal que poderia infligir nas instituições de Vila Verde!
Quero, no entanto, deixar bem claro que tenho muita consideração por vários elementos que o acompanham na lista e que merecem o meu respeito, mas não votarei em Paulo Gomes, pois a liderança de qualquer projeto é decisiva e, neste caso, a meu ver, a liderança não serve os interesses da instituição.

Meu caro amigo António Aparício: está cumprida a tua vontade e a promessa que te fiz! Que fiques (ainda mais) em Paz! Nós, por cá, continuaremos a defender os Bombeiros de Vila Verde das “ervas daninhas” e, como sempre o fizeste, a dignificar as instituições e a defendê-las de quem não tenha o mínimo de competência e de dignidade para as dirigir!
PS: Dizem-me agora que esta candidatura tem origem numa personagem conhecida no nosso concelho, que tem uma grande visibilidade e prestígio político (obtido com muito valor, diga-se, em honra da verdade…) e cuja grande obsessão é a de dominar por inteiro todas as instituições de Vila Verde!
Pois bem, se é esse o seu desiderato, então que tenha, pelo menos, mais cuidado a escolher os seus “homens de mão” para as instituições de Vila Verde!”

As eleições dos bombeiros de Vila Verde estão a ser uma das mais ‘quentes’ da história da instituição.

Comentários

topo