Vila Verde

Conselho das Misericórdias de Braga reuniu na Santa Casa de Vila Verde

(c) Santa Casa de Vila Verde
Partilhe esta notícia!

A Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde acolheu a reunião do Conselho Regional das Misericórdias do distrito de Braga reuniu na Santa Casa de Vila Verde. Presidido pelo Presidente da União das Misericórdias Portuguesas, Manuel de Lemos, contou com a presença da presidência do Conselho Regional, o deu coordenador Humberto Delgado provedor da Santa Casa da Póvoa de Lanhoso, Nuno Reis provedor de Barcelos como primeiro secretário e via zoom do provedor da Santa Casa de Fafe, Vítor Ferreira e a presidente Maria Emília Vilarinho Zão.

Com todas as regras que a pandemia impõe, foi necessário a apresentação do certificado de vacinação, foram disponibilizados testes à Covid-19 a todos os presentes.

Manuel Lemos tomou a palavra para iniciar os trabalhos e falou no peso que as misericórdias do distrito de Braga têm na região. Muitos empregos, apoio aos idosos, à deficiência e na saúde e principalmente aos mais necessitados. Manuel de Lemos falou de uma reunião que teve com a ministra da Segurança Social para rever os apoios do estado aos lares e ERPI’s pois as Santas Casas são o grande apoio aos idosos do distrito.
Bento Morais, anfitrião e provedor de Vila Verde, falou na homenagem a um ilustre vilaverdense, o provedor de Braga Bernardo Reis, também presente na reunião que agradeceu. Referiu ainda que Vila Verde
Em debate estiveram os apoios por parte do estado às Misericórdias que com a dissolução da assembleia da república ficaram em causa.

“A dissolução do parlamento veio prejudicar as misericórdias portuguesas pois não sabemos quando haverá orçamento. Não há previsão para novos apoios”, referiu Manuel de Lemos na sua intervenção.
Foram ainda debatidos os salários nas Misericórdias do distrito de Braga, as futuras negociações com a segurança social e assuntos sociais de relevância para a região principalmente para as Misericórdias.
Manuel de Lemos lembrou o prémio recebido pela UMP, o de cidadão europeu, pelas mãos do Parlamento Europeu e agradeceu a todos os colaboradores de todas as misericórdias do país pelo trabalho desde março de 2020 no combate à pandemia.

O Conselho Regional das Misericórdias do distrito de Braga reuniu na Santa Casa de Vila Verde prestou ainda uma homenagem e voto de louvor ao Provedor de Braga, Bernardo Reis, pelo seu trabalho na misericórdia de Braga e pelas Misericórdias de Portugal. Houve ainda tempo para um voto de louvor e homenagem a Dom Jorge Ortiga pelo seu trabalho ao lado das Misericórdias de Braga como Arcebispo Primaz de Braga.

Comentários

topo