País

“Maior subida de sempre”. Costa assinala aumento do salário mínimo

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O primeiro-ministro recorreu este domingo ao Twitter com o intuito de assinalar o aumento do salário mínimo nacional, em 2022, para 705 euros, sublinhando que a medida vai abranger perto de 880 mil trabalhadores.

“Cerca de 880 mil trabalhadores vão, a partir de hoje, beneficiar do aumento do Salário Mínimo Nacional para os 705 euros. Este aumento de 40 euros é a maior subida de sempre, cumprindo o compromisso de chegarmos a 2023 com 750 euros de SMN”, lê-se na mensagem publicada por António Costa na sua conta oficial de Twitter.

“Nos últimos seis anos, o SMN aumentou cerca de 40%, continuando o emprego e a economia a crescer”, prossegue o primeiro-ministro.

Para acrescentar: “O aumento do SMN é da mais elementar justiça social e impulsiona a melhoria geral dos salários”.

O salário mínimo nacional foi instituído em 1974, com o valor de 3.300 escudos (16,5 euros). Até chegar aos atuais 705 euros, sofreu atualizações entre os 31,6 por cento, em 1979, de 5,6, em 2011 e de 4,1 por cento em 2014.
A partir de 1 de janeiro, o salário mínimo em Portugal passou de 665 para 705 euros.
Em 2012, 2013 e boa parte de 2014, período de intervenção da troika, permaneceu congelado. O que já havia acontecido em 1974 e 1982. A austeridade já tinha levado ao congelamento do SMN em 1976 e em 1982.

O aumento do salário mínimo nacional de 2014, formalizado em Concertação Social, vigorou durante 15 meses, até ao termo de 2015, e teve como compensação a redução da Taxa Social Única, a cargo do patronato, de 23,75 para 23 por cento.

Com a governação socialista, o salário mínimo tem sofrido aumentos entre os 3,4 por cento, em 2019, para os 600 euros, e os 5,8 em 2020, para 635 euros.

Nas contas da CGTP, caso o salário mínimo tivesse subido de acordo com a produtividade e a inflação desde 1974, em 2020 teria alcançado os 1.137 euros.

Em junho de 2021, o número de pessoas com a remuneração de base declarada igual à RMMG era de 893,2 mil, o que traduz um aumento de 1,7 por cento relativamente ao mesmo mês do ano anterior

Comentários

topo