Vila Verde

Vila Verde. Caos na rotunda do canoista (Prado) e EN201 sem passeios

(c) Semanário V
Partilhe esta notícia!

ASSEMBLEIA MUNICIPAL | 10-12-2021
MOÇÃO | REFORMULAÇÃO / REQUALIFICAÇÃO DA ROTUNDA DO CANOISTA E E.N 201

Sendo atualmente um local de estrangulamento rodoviário na passagem do Concelho de Vila Verde, com impacto na vida e na segurança dos utilizadores, com o consequente agravamento a quando da ligação aprovada da Rotunda á estrada M 1194 ( Rua 1 Lugar da Murta – Prado ) e simultaneamente as obsoletas condições viárias e pedonais em toda a E.N 201 . Apesar das solicitações realizadas pelos diversos Presidentes de Junta das diversas Freguesias servidas por esta via, de deputados Municipais e também comerciantes/particulares junto das entidades competentes, tem sido um fator predisponente de insegurança rodoviária e pedonal, aumento de sinistralidade que se tem agravando com o aumento exponencial do tráfego automóvel na rotunda e na E.N. 201.
È pois crucial estudo técnico com urgência por parte das Infraestruturas de Portugal E.P. para a reformulação / requalificação da Rotunda e da E.N. 201 para a diminuição do risco de sinistralidade e simultaneamente melhoria de fluidez rodoviária no trajeto de e para Braga e em toda a E.N. 201.
Sendo o principal acesso rodoviário de e para o Concelho de Vila Verde, simultaneamente para parte do Concelho de Barcelos e Ponte de Lima, é também o acesso principal á zona industrial de oleiros. Perante a realidade do aumento de tráfego automóvel dos últimos anos e o agravamento previsto na rotunda do Canoísta e consequentemente na E.N. 201, sendo a mesma o fator da formação de filas de transito com km, onde os condutores desesperam, tendo como fator mais visível o aumento da sinistralidade nas vias que convergem para a referida rotunda. Por outro lado temos a E.N. 201 onde a inexistência ou existência muito lacunar e obsoleta da sinalização vertical, passagens de travessia de peões, iluminação sobre as mesmas inexistente, sem acesso adaptado para pessoas portadoras de deficiência ou limitação física, passeios com largura exígua / não legal em quase todo o trajeto e a partir da Lage (rotunda do Emigrante) praticamente inexistente.
Temos consciência que não possuindo outro tipo de transportes, nem autoestradas é através das Estradas Nacionais que nos deslocamos do Concelho e para os concelhos vizinhos, e em especial para a sede de Distrito – Braga. Com o aumento considerável do parque automóvel exige se que as Estradas Nacionais estejam adequadas ás necessidades dos cidadãos, assim como as áreas pedonais a si associadas.
Constata se também que este aumento considerável do número de veículos automóveis de Braga para Vila Verde e vice versa, é fruto da necessidade cada vez mais premente da utilização por necessidades laborais ou educacionais e simultaneamente pela falta de transportes alternativos – transportes públicos.

Neste sentido, o Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata, solicita a esta Assembleia Municipal que delibere no sentido de apresentar perante as entidades competentes – Infraestruturas de Portugal E.P. dos Grupos Parlamentares da Assembleia da República, do Instituto da Mobilidade e dos Transportes, do Instituto Nacional de Infraestruturas Rodoviárias, Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, entre outras entidades, para a necessidade urgente da REFORMULAÇÃO / REQUALIFICAÇÃO DA ROTUNDA DO CANOISTA E E.N 201, para uma melhoria na vida e na segurança dos utilizadores, e em especial os Vilaverdenses.

Assembleia Municipal de Vila Verde, 10 de dezembro de 2021

Comentários

topo