Vila Verde

Ribeira do Neiva fora do investimento em saneamento da Câmara de Vila Verde

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O Município de Vila Verde vai avançar com um conjunto de investimentos para alargamento das redes de saneamento em diferentes zonas do concelho, num investimento global superior a um milhão de euros. As obras, que aguardam o visto Tribunal de Contas, deverão arrancar até ao final do primeiro semestre deste ano.

“O aumento da cobertura do saneamento no concelho é um investimento prioritário, no âmbito da estratégia de desenvolvimento sustentável e da aposta na contínua e permanente melhoria da qualidade de vida para todas e todos os Vilaverdenses”, assinala a presidente da Câmara Municipal, Júlia Rodrigues Fernandes, dando conta da importância e do impacto do investimento em causa.

O pacote de obras previsto assegura um total de 261 ligações diretas de saneamento, criando ainda condições que vão permitir outras ligações a ramais de saneamento instalados e a instalar nas zonas abrangidas, nomeadamente nas freguesias de Lage, Carreiras, Lanhas, Sabariz, Prado S. Miguel, Esqueiros, Nevogilde e Travassós.

No âmbito do plano de obras previsto para os próximos meses, o investimento previsto para a freguesia da Lage é de cerca de 206 mil euros, para a instalação de quase três quilómetros de condutas que vão servir um conjunto de 117 habitações à espera da ligação à rede de saneamento.

Em Lanhas e Sabariz, a ligação da rede de saneamento ao longo de quase dois quilómetros da estrada nacional EN308 tem um custo orçamentado de mais de 300 mil euros. Está prevista a ligação direta para 66 edifícios, a que acrescem ramais das zonas envolventes.

Na União de Freguesias de Esqueiros, Nevogilde e Travassós, a ligação de saneamento ao longo da estrada nacional terá uma extensão de pouco mais de um quilómetro de condutas, com ligação direta a 33 edifícios. O custo da empreitada está estimado em cerca de 167 mil euros.

A rede de saneamento vai ser igualmente reforçada na União de Freguesias de Carreiras S. Miguel e Carreiras S. Tiago, através de um investimento de 71 mil euros, com 943 metros de conduta para servir 30 habitações.

Em Prado S. Miguel, a intervenção, além da ligação a 20 habitações para saneamento, permitirá ainda instalar as infraestruturas para abastecimento público de água a 15 habitações. A obra terá um custo quase 300 mil euros, incidindo sobre a estrada nacional 101, ao longo de mais de um quilómetro de intervenção.

Ribeira do Neiva sem saneamento nem investimento

A União de Freguesias da Ribeira do Neiva ficou, mais uma vez, fora dos investimentos da Câmara Municipal de Vila Verde na área do saneamento. Uma das maiores freguesias do concelho que vê mais um ano (…) passar ao lado da presidente de Câmara e restante executivo.

Comentários

topo