Guimarães

Agostinho de Guimarães celebra hoje 101 anos e ainda trabalha no seu quintal

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Agostinho Gonçalves nasceu a 21 de fevereiro de 1921 no Lugar de Cunhas, freguesia de Vilar de Cunhas do concelho de Cabeceiras de Basto. Lugar em que a água e a eletricidade ainda não tinham implantação nem os acessos eram fáceis.

De uma família de mãe solteira viviam com mais 5 irmãos e subsistia de ajudas dos mais próximos nesta sua fase de infância. Trabalhador desde os 6 anos de idade na agricultura, aprende o ofício de carpinteiro aos 22 anos.

Não frequentou a escola, sendo que conhece os números e as letras com base na sua experiência de vida.

Como carpinteiro trabalhou no concelho onde nasceu, tendo posteriormente sido operário que ajudou na construção de diversas barragens em que se destaca a do alto do Rabagão (Pisões), do Fratel, Belver por exemplo.

Casou aos 28 anos tendo sido pai de 5 filhos, 3 homens e 2 mulheres, e é hoje um avô orgulhoso de 9 netos além de ter 12 bisnetos. Apesar da sua idade, é ainda um grande apreciador da agricultura e ao seu ritmo consegue trabalhar a terra e o quintal que trata em São Torcato. É agora nesta vila que tem a sua residência junto do seu filho e netos. São assim 101 anos de uma vida em muitas fases difícil, mas com o espírito de resiliência e os fortes laços familiares lhe permitiram ajudar os filhos e todos aqueles que de mais próximo lidaram com ele ao longo deste último século.

Comentários

topo