Mundo

Empresário russo oferece um milhão de dólares pela detenção de Putin

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Um empresário russo residente dos EUA, Alex Konanykhin, ofereceu uma recompensa de um milhão de dólares pela detenção do presidente russo, como “criminoso de guerra”, enquanto decorre a invasão da Ucrânia, segundo avança o Correio da Manhã.

“Prometo pagar um milhão de dólares a qualquer agente da polícia que, cumprindo o seu dever constitucional, detenha Vladimir Putin como criminoso de guerra, segundo o direito russo e internacional”, escreveu o empresário no Facebook.

Comentários

topo