Mundo

Ajuda de emergência à Ucrânia. Dono do Lidl doa bens do valor de 10 milhões em bens

Partilhe esta notícia!

O grupo retalhista Schwarz – dono das cadeias Lidl e Kaufland – vai doar 10 milhões de euros em bens para a ajuda na Ucrânia.

O anúncio foi feito no sítio de internet do grupo, que diz que ao observar o que está a acontecer na Ucrânia e “especialmente em tempos tão difíceis, é importante que o grupo empresarial esteja à altura de sua responsabilidade. A sua principal prioridade agora é fornecer ajuda rápida e desburocratizada.” Por esse motivo, adianta, “as divisões de retalho do Grupo Schwarz, Lidl e Kaufland, colaboram com várias organizações de ajuda no local desde o início da crise e já contribuíram com 3 milhões de euros em doações monetárias e em espécie.”

O Grupo adianta ainda que decidiu “aumentar a sua ajuda para 10 milhões de euros” em bens, como alimentos não perecíveis, têxteis-lar, produtos de higiene e outros produtos urgentemente necessários, que visam “ajudar a fornecer provisões aos refugiados nas regiões fronteiriças da Ucrânia o mais rápido possível .”

Comentários

topo