Mundo

‘Estou sem lágrimas’: mãe ucraniana foge, mas promete voltar

(c) Redes sociais
Partilhe esta notícia!

Yulia Yanchar espera que ela e sua família voltem para a nova casa que foram forçadas a abandonar no sábado, quando a guerra chegou ao norte da capital ucraniana, Kiev.

“Moramos em apartamentos alugados durante 10 anos para construir a nossa casa. E agora, finalmente, estávamos em mudanças. E estávamos empolgados com cada foto que penduramos na parede”, Yanchar, que trabalha como diretor de relações públicas em uma fundo de caridade, disse à Reuters.

“E agora temos que deixar tudo para trás e ir porque as bombas podem cair aqui, porque os tanques podem atravessar as nossas ruas.”

Alguns dias atrás, enquanto a Rússia avançava com sua invasão da Ucrânia, um míssil explodiu no ar acima da vila localizada perto do rio Dnieper e um pedaço atingiu uma casa a algumas ruas de distância, iniciando um incêndio, disse Yanchar.

“Então foi realmente assustador para todos.”

A filha de seis anos de Yanchar, Eva, tentou manter a vida normal.

“Não vamos ter medo da luta, não vamos nos esconder, não vamos ter medo das bombas, não vamos ter medo de nada”, disse Eva num vídeo gravado para as redes sociais.

Mas Yanchar acabou decidindo que era muito arriscado ficar em casa.

“Estamos constantemente a ver todas as notícias. Acabo de ficar sem lágrimas para chorar”, disse ela. “Eu realmente espero que sobrevivamos, porque temos pessoas inacreditáveis. Temos pessoas que estão prontas para derrubar tanques com as mãos.”
Yanchar disse que voltaria a Khotyanivka um dia.

“Acredito que não perderemos nosso país, e acredito que estaremos vivendo em nosso país, e acredito que ficaremos bem e plantarei em minha propriedade todos os abetos com os quais tenho sonhado.”

Comentários

topo