Mundo

Moscovo deu a conhecer exigências para a desmilitarização “imediata” da Ucrânia

Partilhe esta notícia!

A Rússia avisa que está disposta a suspender os ataques em território ucraniano “a qualquer momento” desde Kiev aceite as condições de Moscovo.

Assim, a Rússia exige, diz Dmitry Peskov, porta-voz do Kremlin, que:

  • A Crimeia terá de ser reconhecida como território russo e Donetsk e Luhansk como Estados independentes.
  • A Ucrânia terá de alterar a sua Constituição e rejeitar a adesão a qualquer bloco (não se entende aqui se estará a referir-se à NATO ou à União Europeia, ou a ambos).

A ofensiva militar russa terminará com efeitos “imediatos” se as condições forem cumpridas.

O Kremlin diz ainda que a Rússia não pretende reclamar mais nenhum território na Ucrânia.

Comentários

topo